Após três anos sem “dar notícias” no mundo da música, Eminem regressa e em grande… É que o famoso rapper norte-americano lançou, esta quarta-feira, no seu canal online Shade 45 no Sirius XM, um novo rap sobre o candidato republicano, Donald Trump.

“Considera-me um homem perigoso / Mas tu devias ter medo desse maldito candidato”, canta Eminem. “Tu dizes que Trump não é um fantoche / Porque paga a sua campanha com o seu próprio dinheiro / E é isso que tu querias? / Um canhão que mete a mão no botão / Que não tem de responder a ninguém?”. E conclui ironicamente “Ótima ideia!”

Campaign Speech” tem oito minutos, durante os quais Marshall Mathers (Eminem) versa sobre os mais diversos temas da atualidade. Além de Trump, os outros alvos do cantor são os apoiantes do candidato, com referências a Trayvon Martin, Colin Kaepernick, David Hasselhoff, Stacey Dash e Casey Anthony (apelidando os últimos dois de “doidos”): “Correr para a torneira, enterrar um grupo de apoiantes de Donald Trump na água”.

Eminem fala ainda acerca da brutalidade da polícia e no controverso caso de George Zimmerman, absolvido do assassinato em segundo grau da morte do jovem de 17 anos Trayvon Martin, em 2012. Aqui Eminem vai mais longe, e imagina matar Zimmerman e deixar o seu corpo à porta da família de Martin.

Mas Eminem e Trump nem sempre foram adversários…

Em 2004, Eminem deu uma festa para promover o seu álbum “Encore” e lançar o seu canal, no SiriusXM, Shade 45. E o candidato republicano resolveu aparecer para parabenizar o rapper.

Eu sei reconhecer um vencedor quando o vejo, e Donald Trump está-te a dizer agora mesmo, que Slim Shady é um vencedor. Ele tem neurónios, tem tomates, e tem o voto de Donald Trump!”, disse na altura o político segundo a Mother Jones.

Eminem lançou o seu último álbum em 2013, intitulado “The Marshall Mathers LP 2.”

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR