Dark Mode 76,2 kWh poupados com o MEO
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Hoje é um bom dia para mudar os seus hábitos. Saiba mais

S.C. Braga abateu sobreiros antes de ter recebido autorização

Apesar de ter pedido autorização para o abate de sobreiros em terreno de futura academia, o S.C. Braga derrubou as árvores antes de ter luz verde. Sobreiro é espécie protegida e clube pode ser multado

i

Facebook de Luís Tarroso Gomes

Facebook de Luís Tarroso Gomes

Apesar de ter pedido autorização para o abate de sobreiros num terreno onde está a construir uma academia de futebol, o Sporting de Braga acabou por derrubar as árvores antes de ter a luz verde necessária do Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF). A notícia é do jornal Público.

A lei prevê que o clube pode ser multado até 75 mil euros e também proibido de construir sobre aquele terreno durante um período de 25 anos.

De acordo com aquele jornal, o Sporting de Braga pediu autorização para o abate dos sobreiros em fevereiro. Em março, o ICNF pediu ao clube que apresentasse mecanismos de compensação que minimizassem o impacto do ambiental do abate dos sobreiros — o que fez em abril.

A autorização para o derrube das árvores chegou ao clube de Braga a 31 de agosto. Só que, nessa altura, os sobreiros já tinham sido abatidos há vários meses. De acordo com o Público, os trabalhos no terreno em questão começaram no final de maio, que refere as denúncias feitas nas redes sociais por um advogado bracarense, Luís Tarroso Gomes. A 7 de julho, o jurista já tinha colocado uma fotografia (que dizia ser de 12 de junho) no seu perfil de Facebook onde demonstrava que as terras do terreno da futura academia já estavam a ser movimentadas e que parte do terreno já não tinha sobreiros.

Recomendamos

A página está a demorar muito tempo.