Se há exemplos que aconselham a pensar out of the box, este é um deles. Imagine-se numa situação em que a neve cobre tudo, com destaque para o asfalto, o que torna desaconselhado sair de desportivo – sobretudo, quando o modelo em questão é muito baixo e alia a esta particularidade sete centenas de cavalos e um motor brutal, que é capaz de o empurrar até aos 350 km/h e a passar pelos 100 km/h em apenas 2,9 segundos. Estão obviamente reunidas condições para sair de jipe, de SUV ou até mesmo de skis. Mas esta não é a opinião de quatro jovens americanos que habitam no Utah.

Em vez de deixar os superdesportivos italianos na garagem, como qualquer pessoa normal faria, os jovens pegaram nos seus quatro Lamborghini e foram brincar para a neve, aproveitando o facto de os modelos em causa estarem equipados com a sempre útil tracção às quatro rodas. Sendo que brincar é a palavra-chave. Os desportivos produzidos em Sant’Agata Bolognese começaram pelas atravessadelas e pelos piões, isto até que alguém se lembrou de dar uso a umas câmaras-de-ar, transformando-as em bóia.

Uma vez amarradas ao Lamborghini – por sinal um espectacular Aventador Pirelli Edition –, as bóias passaram a ter, de Inverno e na neve, uma utilização muito similar à que se lhes poderia dar de Verão, no lago. A diferença é que, desta vez, era puxada por um superdesportivo e não por uma lancha rápida. Não perca o vídeo se quer ver como é divertido. E a verdade é que se esta actividade é mais espectacular com um Lamborghini a puxar, a diversão é a mesma se, em vez do exuberante carro italiano, as bóias forem rebocadas por um veículo bem mais pequeno e acessível, contanto que possua os tais pneus de Inverno, tracção 4×4, ou ambas.

[jwplatform sASbrJPt]