O presidente francês, François Hollande defendeu esta segunda-feira uma Europa a duas velocidades, considerando, numa entrevista a seis jornais europeus, que alguns Estados membros têm de poder progredir mais depressa se quiserem, “senão a Europa explode”.

Na entrevista conjunta que concedeu a seis jornais europeus, o presidente da França salientou que a criação de uma defesa europeia é uma prioridade, segundo a agência de notícias AP. A entrevista surge no mesmo dia em que o chefe de Estado francês vai receber a chanceler alemã, Angela Merkel, e os primeiros-ministros espanhol e italiano, Mariano Rajoy e Paolo Gentiloni, em Versalhes, nos arredores de Paris, para preparar uma reunião dos líderes europeus que vai decorrer ainda esta semana. O Reino Unido deverá lançar no final deste mês as negociações sobre os termos da sua saída do bloco europeu.