Os gastos de Johnny Depp deram que falar depois dos antigos gestores dos negócios do ator revelarem que gastava dois milhões de dólares por mês – 1,8 milhões de euros – para levar o estilo de vida excêntrico que não conseguia manter, noticia a revista People. O ator já respondeu às criticas. Depp disse que com o seu dinheiro, faz o que quer. “É o meu dinheiro. Se quiser comprar 15 mil bolas de algodão por dia, o problema é meu”, disse em declarações ao Wall Street Journal.

O dados foram revelados depois de Johnny Depp ter processado o The Management Group, a 13 de janeiro, alegando ter sido vítima de uma fraude na ordem dos 23 milhões de euros, por pagamento de impostos de forma incorreta e empréstimos não autorizados. As acusações foram negadas pela empresa, que assumiu ter tentado avisar o ator vezes sem conta.

Johnny Depp gasta dois milhões de dólares por mês, 30 mil só em vinho

O protagonista da saga “Pirata das Caraíbas” questiona-se porque não o impediram, se acreditavam que a situação estava fora de controlo. “Tenho trabalhado muito durante muitos anos e confiei em muitas pessoas. Algumas delas, claramente, decepcionaram-me”, conta.