Da esquerda para a direita, a ordem é a mesma há 35 anos: John “Wedge” Wardlaw, Mark Rumer-Cleary, Dallas Burney, John Molony e John Dickson. Tiraram uma fotografia em 1982, sentados num banco junto ao Lago Copco, na Califórnia (EUA) e desde então repetem a tradição a cada cinco anos. 2017 não foi exceção.

Desde a última vez em que foram fotografados juntos, em 2012, muita coisa mudou. Três dos cinco casaram e há, pela primeira vez, um descendente (talvez a tradição tenha assim continuidade). Nesse ano tornaram-se virais na Internet e ainda recebem mensagens de todo o mundo. Na Suécia foram capa de jornal e John Dickson admite que recebe “dezenas de emails de pessoas a darem-nos os parabéns por sermos amigos há tantos anos”.

A tradição começou em 1982 quando os rapazes tinham 19 e 20 anos e foram passar uns dias à casa de férias de John Laux, avô de Wardlaw. Chamam-lhe “a cabana”.

Wardlaw, agora com 54 anos, tornou-se amigo de Dickson no 3.º ciclo. Um incêndio deflagrou em 1977 na baixa de Santa Barbara e entre as cerca de 250 casas ardidas, estava a de Wardlaw.

“Arrendámos uma casa à família Dickson, vizinhos do lado e eu o John ficámos amigos”, conta Wardlaw. A amizade foi solidificada na paixão por filmes Super 8 (uma câmara de película de 8mm da Kodak, popular nos anos 80).

Onde estão hoje? Wardlaw ainda é produtor de filmes e fotógrafo, a viver no estado de Oregon. Rumer-Cleary é um engenheiro que fundou a Occam Networks e vive em Portland (no mesmo estado). Burney tornou-se professor do primeiro ciclo e Molony é fotógrafo em Nova Orleães. Apenas Dickson ficou em Santa Barbara, onde é responsável pelo turismo da cidade.

Veja a evolução deste grupo de amigos na fotogaleria em cima.