Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Uma pessoa morreu esta terça-feira na sequência de uma explosão num paiol de uma fábrica de pirotecnia em Azões, Vila Verde, Braga, confirmou fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Braga ao Observador.

O alerta foi dado às 15h05. Ainda não se sabe o que poderá estar na origem da explosão, revelou a mesma fonte. Os os bombeiros de Vila Verde, uma equipa do INEM e a GNR foram mobilizados para o local. O paiol ficou completamente destruído.

A morte foi confirmada pelo presidente da Câmara de Vila Verde, António Vilela, em declarações à RTP3. De acordo com o autarca, o homem, de 51 anos, era um trabalhador da fábrica que se encontrava no local no momento da explosão. António Vilela confirmou ainda que não há registo de mais feridos o presidente da Câmara lamentou a morte do trabalhador que “deixa a esposa e duas filhas”.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR