O programa informático da plataforma de gestão da Infraspeak, startup sediada no Porto, vai integrar as operações da Intu, a maior empresa de centros comerciais do Reino Unido. Os 17 centros comerciais da empresa britânica, que incluem os dois maiores da Grã-Bretanha em área, passam a ter ADN português na manutenção das operações técnicas.

A iniciativa parte de um projeto piloto promovido pela Intu juntamente com a consultora inglesa L Marks. A Infraspeak foi uma das sete empresas escolhidas, entre mais de 120 candidatas, para integrar o programa de aceleração da britânica. Os programas incluem gestão de operações, robôs para auxiliarem clientes e aplicações para melhorarem as compras online e offline.

“Ver o Infraspeak em utilização no mercado britânico, e conhecer mais profundamente como é a rotina das operações no Reino Unido, é uma excelente oportunidade para aprimorar a nossa plataforma e um passo importante para crescer em mais mercados”, afirma Felipe Ávila da Costa, presidente executivo da Infraspeak, em comunicado.

Infraspeak. Como nasceu a startup do Porto que cresceu 243% em 2016?

Fundada em 2015, por Felipe Ávila da Costa, a Infraspeak conta com mais de 75 clientes em Portugal, Brasil, Angola, Espanha e, agora, no Reino Unido.