Um incêndio em Tondela, num local onde decorria um torneio de sueca, fez oito mortos. Uma adolescente de 15 anos está entre as dezenas de feridos graves que foram transferidos para Lisboa, Coimbra e Porto.

Marcelo Rebelo de Sousa visitou este domingo Vila Nova da Rainha, a aldeia no concelho de Tondela onde a tragédia aconteceu na noite de sábado. Acompanhado pelo ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, o Presidente da República descreveu o incidente como “um daqueles choques que são muito fundos nas vidas das pessoas”.

Veja as fotos da reportagem do Observador na fotogaleria.

Marcelo Rebelo de Sousa: “Este é um daqueles choques muito fundos na vida das pessoas”

Em declarações aos jornalistas, o Presidente da República explicou que foi o pânico que fez com que as pessoas utilizassem a “porta que abre para dentro”, junto às escadas, para saírem. “Havia precisamente ao lado uma [outra] porta. A que ficava em frente às escadas era a mais utilizada e a outra normalmente estava fechada.” Mas, infelizmente, não foi essa que foi utilizada, causando a confusão.

A Câmara Municipal de Viseu manifestou no Facebook “profundo pesar” e “solidariedade” ao município de Tondela na sequência do “trágico acidente ocorrido em Vila Nova da Rainha”. A edilidade de Viseu disponibilizou às vítimas os “meios de socorro e auxílio” de que dispõe.