A PSP deteve este domingo três indivíduos por venda ilegal de aves numa operação na Feira dos Pássaros, no Porto, onde foram ainda apreendidas 115 aves, anunciaram as autoridades.

Segundo um comunicado da PSP Porto, a operação conjunta, que envolveu o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a Polícia Municipal do Porto, decorreu entre as 07h00 e as 15h00 deste domingo.

A operação resultou na detenção de três indivíduos por venda ilegal de aves e na apreensão de 115 aves entre pintassilgos, lugres, híbridos, pegas e estorninhos, que foram devolvidos à natureza junto do Parque Biológico de Gaia.

A polícia avançou ainda com três autos de notícia por contraordenação e foram identificados outros sete suspeitos por venda ilegal de aves.

A operação foi desenvolvida por elementos policiais pertencentes ao efetivo da Brigada de Proteção Ambiental da PSP do Porto (BRIPA), 1.ª Divisão Policial, Divisão de Vila Nova de Gaia, Divisão de Investigação Criminal, Polícia Municipal do Porto e técnicos do ICNF.

Os detidos vão ser presentes junto das autoridades judiciárias, informa a PSP.