O Presidente norte-americano, Donald Trump, anunciou esta segunda-feira que divulga terça-feira a sua posição quanto à continuidade ou não dos Estados Unidos no acordo nuclear com o Irão, rubricado pelas principais potências mundiais com Teerão em 2015. “Anunciarei a minha decisão sobre o Acordo com o Irão amanhã (terça-feira) às 14h00 (19h00 em Lisboa)”, escreveu Trump na sua conta na rede social Twitter.

O presidente norte-americano tinha estabelecido o dia 12 de maio (próximo sábado) como a data limite para tomar uma decisão, mas decidiu antecipar o anúncio em alguns dias. Não há certezas quanto àquilo que Donald Trump poderá vir a anunciar: se o fim do acordo ou uma tentativa de o renegociar.

O presidente iraniano, Hassan Rouhani, disse que o Irão está disposto a não abandonar o acordo mesmo que os Estados Unidos anunciem a sua saída. “O que nós queremos é que o acordo seja preservado e garantido pelos outros países”, disse Hassan Rouhani. Rouhani já usou palavras duras a alertar Trump para as consequências sérias do fim do acordo que foi negociado por Barack Obama.

O Presidente francês, Emmanuel Macron, a chanceler alemã, Angela Merkel, e o chefe da diplomacia do Reino Unido, Boris Johnson, viajaram nos últimos dias para Washington para tentar persuadir o Presidente norte-americano a permanecer no acordo.