Os preços na produção industrial tiveram em junho o maior crescimento dos últimos 12 meses, aumentando 4% face a junho de 2017, acima do aumento homólogo de 3,2% em maio, revelou esta quarta-feira o Instituto de Nacional de Estatística (INE). O índice da produção industrial divulgado pelo INE, e que é elaborado com base no inquérito aos preços na produção de produtos industriais, teria tido em junho um aumento menor, de 1,8%, se excluído o agrupamento de energia.

Este índice do agrupamento de energia aumentou 12,4% em junho, face ao mesmo mês do ano passado, e acima do aumento homólogo de 9,8% em maio, dando assim o contributo mais significativo para o crescimento homólogo do índice total de 4%.

A secção das indústrias transformadoras registou um aumento de 3,8% em junho, também acima da subida de 3% em maio, segundo o INE.

A variação trimestral homóloga, no segundo trimestre deste ano, representou uma subida de 2,9%, contra 1,3% no trimestre anterior. A variação mensal dos preços na produção industrial foi de 0,6% em junho, quando em igual mês de 2017 tinha caído 0,2.