O Ministério da Administração Interna anunciou esta sexta-feira que o Governo português comunicou a sua disponibilidade para enviar para a Suécia mais de 30 bombeiros e dois aviões de combate aos incêndios, para ajudar a lidar com os graves incêndios florestais que atingem, nesta altura, o país escandinavo.

De acordo com o comunicado enviado pelo Ministério da Administração Interna, Portugal tem prontos dois aviões médios anfíbios e um módulo de combate a incêndios com capacidade de análise de comportamento de fogo e reconhecimento e avaliação, num total de 31 elementos e quatro veículos, prontos a serem enviados.

Suécia pede ajuda à União Europeia para combater fogos florestais

No passado dia 16 de julho a Suécia acionou o Mecanismo Europeu de Proteção civil devido aos vários incêndios que continuam a assolar todo o país. A Suécia regista já milhares de hectares de áreas queimadas, principalmente nas regiões de Jämtland, Gävleborg e Dalarna.

Os meteorologistas do país lançaram nos últimos dias uma série de avisos devido às temperaturas extremamente elevadas na Suécia, um fenómeno “pouco habitual” na região. Em Upsalla, a 70 quilómetros a norte de Estocolmo, foram registadas temperaturas recorde, superiores a 33 graus.

O sul da Noruega foi também atingido por um conjunto de fogos florestais, na semana passada.