O trânsito na A12, perto do Pinhal Novo, no sentido Setúbal-Lisboa, foi este sábado cortado devido a uma massa densa de fumo originária de um incêndio em mato que impediu a visibilidade dos automobilistas.

O oficial de operações da Autoridade Nacional de Proteção Civil adiantou à agência Lusa que em causa esteve um incêndio em mato, na freguesia do Pinhal Novo, concelho de Palmela, que “tendo em consideração o combustível produziu uma massa densa de fumo” que, devido ao vento, atingiu a A12.

Segundo a mesma fonte, devido à reduzida visibilidade, algumas pessoas deverão ter-se assustado e iniciaram inversão de marcha, tendo sido de imediato enviadas para o local equipas da Brisa e da Brigada de Trânsito da GNR para “auxiliar nesta manobra”.

A referida autoestrada esteve cortada no sentido Setúbal-Lisboa enquanto não existiram condições de visibilidade.

Segundo a página da Autoridade Nacional de Proteção Civil, o alerta para este incêndio foi dado às 16:10, estando no local 63 operacionais apoiados por 19 viaturas e dois meios aéreos.

Imagens captadas pela CMTV mostravam condutores a fazer inversão de marcha e a conduzirem em contra-mão, junto à berma, afastando-se do fumo intenso.

Entretanto, pelas redes sociais surgiram várias imagens e vídeos do incêndio.

O fogo foi declarado extinto pelas 19h15, afirmo o porta-voz da GNR no local. Continuam as operações de rescaldo e a auto-estrada já está aberta.