O treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, admitiu esta sexta-feira que o jogo de sábado com o Vitória de Guimarães, na terceira jornada da I Liga de futebol, “poderá ser mais complicado até agora”, mas considerou que a equipa está preparada.

O técnico dos dragões sublinhou que, apesar de o Vitória de Guimarães ainda não ter somado qualquer ponto esta época, os campeões não esperam facilidades na receção aos vimarensenses no Estádio do Dragão. “Na minha opinião será um jogo extremamente difícil, talvez o mais difícil até hoje. É o plantel mais equilibrado do Vitória nos últimos anos. Reforçou-se muito bem. Fez uma boa pré-época. Nos jogos oficiais teve três derrotas, mas os jogos são todos diferentes”, lembrou em conferência de imprensa de antevisão da partida.

Sérgio Conceição desvalorizou as três derrotas do Vitória (frente ao Benfica e ao Feirense, para o campeonato, e ao Tondela para a Taça da Liga), explicando que não serão essas situações que tornam o adversário menos perigoso. “Infelizmente, já tive situações em que tive três e mais jogos sem ganhar, e vemos sempre o próximo jogo como uma oportunidade de inverter o ciclo. Contra um ‘grande’, a responsabilidade é menor, e eles veem esse jogo sempre como ideal para inverter esse ciclo. Não esperamos um jogo fácil”, afirmou.

A uma semana do fecho do mercado, Sérgio Conceição foi questionado sobre a importância de contratar reforços para o FC Porto, mas o assunto foi desvalorizado. “Todas as questões de mercado ficam à porta do Olival nesta altura. Falei sobre isso quando tinha de falar. O mais importante são os jogadores que tenho à disposição e que são aqueles com que posso contar”, referiu ainda.

O FC Porto, que conta duas vitórias em dois jogos da I liga de futebol, recebe o Vitória de Guimarães a partir das 21 horas de sábado.