Mercedes-Benz

Afinal, o Mercedes AMG Project One é apenas… One

À medida que se aproxima o Salão de Paris, a Mercedes vai abrindo o jogo em relação à versão definitiva do seu Project One, um dos melhores superdesportivos de sempre, com uma mecânica herdada da F1.

Afinal, o Project One, o superdesportivo da Mercedes AMG, vai chamar-se apenas One, quando for entregue aos clientes que encomendaram as 275 unidades e começar a circular na via pública.

À medida que o Salão de Paris se aproxima, a Mercedes apressa-se a arrumar tudo o que diz respeito ao seu superdesportivo, até agora conhecido como Project One. E há novidades. Não em relação ao nível da potência, que deverá ser superior a 1.000 cv, embora ainda não haja confirmação, mas no que toca à denominação, o que poderá não ser o mais interessante para quem vai passar o cheque de 2,2 milhões de euros, mais impostos.

Segundo a Mercedes, o seu braço desportivo, a AMG, vai apresentar a versão definitiva do exuberante Project One e este vai chamar-se apenas One. Mas não se aflija, pois o que verdadeiramente importa, especialmente para quem se quer deliciar com um modelo homologado para circular na estrada, mas que recorre a uma mecânica de um F1, é qual é o seu potencial enquanto veículo capaz de estimular emoções e gozo, tanto a acelerar como a curvar e a travar.

A Mercedes AMG não vai estar sozinha no universo dos superdesportivos, com a Red Bull/Aston Martin a anunciarem para breve o seu representante, o Valkyrie, e a Ferrari a garantir que não vai ficar sentada à espera de ser ultrapassada.

O One promete grande capacidade de aceleração com o pequeno motor de F1, ou seja, o 1.6 turbo com cerca de 700 cv, reforçado por quatro motores eléctricos – dois no eixo anterior e um a completar a potência do motor a combustão –, o que eleva a potência total para mais de 1.000 cv (provavelmente ao redor de 1.100 cv), o que será aliado a um peso reduzido, em virtude de o modelo montar uma bateria pequena. Mas a Mercedes AMG também faz questão de recordar que os conhecimentos herdados pela competição foram igualmente utilizados no capítulo do chassi.

Comparador de carros novos

Compare até quatro, de entre todos os carros disponíveis no mercado, lado a lado.

Comparador de carros novosExperimentar agora
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: alavrador@observador.pt
Desigualdade

Estudar é para todos?

José Ferreira Gomes

Todos os jovens merecem igual consideração e há que evitar oferecer diplomas sem valor futuro no mercado de trabalho. O facilitismo só vem prejudicar os jovens, em especial os socialmente mais frágeis

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)