João Sousa perdeu esta sexta-feira o primeiro encontro de singulares da eliminatória entre Portugal e Cazaquistão, frente a Alexander Bublik, por 6-7 (1-7), 6-4 e 6-4, em Astana, de qualificação para as finais da Taça Davis em ténis.

No National Tennis Center da capital cazaque, o vimaranense e 39.º e colocado no ‘ranking’ mundial perdeu frente a Bublik, 171.º, em três ‘sets’, em duas horas e 25 minutos.

Depois de João Sousa ter cedido o primeiro ponto à seleção anfitriã da eliminatória, de qualificação para a fase final da prova que irá decorrer entre 18 e 24 de novembro, em Madrid, segue-se o embate entre Pedro Sousa, 101.º da hierarquia, e Mikhail Kukushkin, número um cazaque e 55.º do mundo.