Inovação

Húmus com sabor a fumeiro e bolachas com chícharo: inovação portuguesa a concurso na Ecotrophelia

O concurso que reúne algum dos projetos mais revolucionários no setor agro-alimentar já está a decorrer e 10 candidatos competem por representar Portugal na versão internacional do concurso.

Húmus com sabor a fumeiro, bolachas com farinha de tempeh (produto de soja do sudoeste asiático) de chícharo ou até granola com dreche (um sub-produto da indústria cervejeira composto por resíduos de cereais) — estes são alguns dos finalistas da edição de 2019 do concurso Ecotrophelia Portugal, uma concurso que promove a eco-inovação no setor agro-alimentar ao reunir projetos de alunos do ensino superior.

Na edição deste ano houve 20 produtos a concurso, inseridos em 10 categorias e oriundos de 11 instituições de ensino. A iniciativa que conta com o alto patrocínio da Presidência da República conseguiu envolver mais de 100 alunos que procuraram destacar-se nas categorias de padaria, bebidas, sobremesas, sopa, pequeno-almoço, refeições preparadas, cremes para barrar, produtos à base de carne, nutracêuticos e pastelaria.

Carla Teixeira, representante da PortugalFoods (a entidade organizadora do evento), realça que a competição voltou a superar o número de candidaturas do ano anterior e isso mostra “um empenho e motivação cada vez maiores por parte das instituições de ensino e dos estudantes em oferecer soluções inovadoras e mais sustentáveis para o setor.”

A avaliação do painel de jurados (composta por membros do setor alimentar como a Sonae, Primor ou Aveleda) teve em consideração critérios como inovação de produto, sustentabilidade, embalagem, propriedades organoléticas ou a credibilidade de mercado. O grande vencedor será escolhido no dia 21 de maio, no Porto, ganhará 2 mil euros e representará Portugal no Ecotrophelia Internacional (a 6 e 7 de outubro),  que decorrerá em Colónia, Alemanha, e faz parte da ANUGA, uma feira internacional do setor de alimentos e bebidas.

São estes os produtos que passaram na primeira fase de avaliações:

  • Delichí – Bolacha salgada com farinha de tempeh de chícharo, cebola e ervas, ideal para um snack nutritivo
  • Dranola – A primeira granola a incorporar dreche e com referências organoléticas tropicais
  • Ecoburguer – Hambúrguer 100% vegetal, de sabor mediterrâneo, saudável, sustentável e com fibras, ideal para refeição ou snack
  • Honey Bite – Bolacha saudável com recheio de mel e avelã, feita a partir de ingredientes portugueses
  • InstaTwice – Sobremesa tradicional e rápida. Junção da autenticidade do sabor tradicional com o dia-a-dia moderno
  • PlantCakes – Preparado para panquecas saudáveis, fonte de fibra, sem glúten e com baixo teor de açúcares
  • Salmar – Salmão conservado em molho escabeche (azeite, vinagre, cebola e pimento) com salicórnia
  • Snackisy – Preparado em pó, de origem 100% vegetal, à base de frutos secos, com alto teor em proteína e fibra
  • TOLIVE – “Snack” de palitos de feijão vermelho e patês de azeitona (preta e verde)
  • Whummey – Húmus com aroma que lembra o do fumeiro, sem carne e enriquecido com soro de leite.

Todos queremos saber mais. E escolher bem.

A vida é feita de escolhas. E as escolhas devem ser informadas.

Há uns meses o Observador fez uma escolha: uma parte dos artigos que publicamos deixariam de ser de acesso totalmente livre. Esses artigos Premium, por regra aqueles onde fazemos um maior investimento editorial e que mais diferenciam o nosso projecto, constituem a base do nosso programa de assinaturas.

Este programa Premium não tolheu o nosso crescimento – arrancámos mesmo 2019 com os melhores resultados de sempre.

Este programa tornou-nos mesmo mais exigentes com o jornalismo que fazemos – um jornalismo que informa e explica, um jornalismo que investiga e incomoda, um jornalismo independente e sem medo. E diferente.

Este programa está a permitir que tenhamos uma nova fonte de receitas e não dependamos apenas da publicidade – porque não há futuro para a imprensa livre se isso não acontecer.

O Observador existe para servir os seus leitores e permitir que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia. Por isso o Observador também é dos seus leitores e necessita deles, tem de contar com eles. Como subscritores do programa de assinaturas Observador Premium.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Inovação

Os Pilares da Digitalização

João Epifânio

Pilar fundamental para o desenvolvimento da economia digital é a capacidade de incluir todos os cidadãos e empresas garantindo condições de igualdade de acesso à informação e a redução da infoexclusão

Inovação

Uber: o entrepreneur vai nu?

Fernando Pinto Santos
343

O dinheiro dos investidores da Uber subsidia as viagens e é o que permite a oferta de preços competitivos. Isto é sustentável? É este o paradigma de empreendedorismo que desejamos?

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)