O indicador do clima de negócios recuou em maio 0,12 pontos para os 0,30, face a abril, segundo dados divulgados esta terça-feira pela Comissão Europeia, mantendo uma tendência em baixa desde março.

De acordo com dados da Direção-geral dos Assuntos Económicos e Financeiros do executivo comunitário, o recuo do clima de negócios deve-se maioritariamente à deterioração da avaliação dos empresários do histórico de produção e da carteira de exportações.

Também piorou, mas menos vincadamente, a apreciação da carteira de encomendas.

As perspetivas de produção e a avaliação da disponibilidade de produtos para entrega melhoraram em maio, por seu lado.

A Comissão Europeia não divulga dados para a União Europeia neste indicador.