Rádio Observador

Celebridades

Irina Shayk reaparece em desfile depois da separação de Bradley Cooper

134

Em Florença, as atenções estiveram centradas na manequim russa, que esbanjou sensualidade ao lado de Gigi e Bella Hadid e Joan Smalls. Foi o regresso às passerelles depois do anúncio do divórcio.

Irina Shayk vestiu Ermanno Scervino, para assinalar os 90 anos plataforma LUISAVIAROMA, assinalados em Florença © Vittorio Zunino Celotto/Getty Images

Getty Images for LuisaViaRoma

O cenário foi a cidade italiana de Florença e o grande motivo de interesse seria uma apresentação de moda com a rubrica da francesa CR, que é como quem diz o primeiro desfile organizado pela editora francesa Carine Roitfeld, um evento destinado a celebrar os 90 anos da plataforma LuisaViaRoma, uma montra do retalho de luxo. Mas no dia 13 de junho, em plena Piazzale Michelangelo, as atenções estiveram centradas em Irina Shayk.

Depois do anúncio do divórcio de Bradley Cooper, ao fim de quatro anos de união, e de uma passagem pela Islândia (com a manequim russa a partilhar nas suas redes uma foto em fato de banho) eis o regresso às passerelles, mais sexy que nunca.

Irina Shayk, Bella Hadid e Joan Smalls com looks Mugler Archive © Vittorio Zunino Celotto/Getty Images para LuisaViaRoma

Irina surge ao lado de outros pesos pesado da indústria, caso das manequins Gigi e Bella Hadid e ainda de Joan Smalls. Num momento, com uma criação em pele, um revelador cai cai com assinatura de Ermanno Scervino, num outro com um look Mugler Archives. Enquanto isso, multiplicam-se as teorias, recuperam-se cronologias da relação de Shayk e Cooper, e as antenas prometem estar ligadas nos próximos passos de cada um dos nomes que acabam de entrar no clube dos solteiros.

O desfile esteve integrado no Pitti Immagine Uomo 96 © Vittorio Zunino Celotto/Getty Images

Desde que o fim do relacionamento entre Irina Shayk e Bradley Cooper se tornou público, a modelo continua a apostar nas redes sociais. Quatro dias depois das manchetes sobre o divórcio, a russa publicou uma fotografia de fato de banho preto da Intimissimi junto a uma queda de água num cenário verdejante. Esta sexta-feira, na ressaca das passerelles, também se mostrou de minissaia ao lado de cinco sacos da Versace.

View this post on Instagram

Queen’s gifts @donatella_versace????

A post shared by irinashayk (@irinashayk) on

Quanto a Bradley Cooper, e a confiar no site TMZ, foi avistado num lounge do Sunset Tower Hotel em Los Angeles, na noite da passada segunda-feira. O ator ainda não surgiu em público desde que se soube do fim do casamento com Irina Shayk e é muito menos ativo nas redes sociais do que a ex-mulher, com quem tem uma filha pequena.

Também está por saber o que levou ao divórcio, embora não faltem teorias. Há quem diga que Christian Carino, 50 anos, ex-noivo de Lady Gaga, está interessado na modelo e que isso não agradou a Bradley Cooper. Também há quem conte a história ao contrário e garanta que é Irina quem tem ciúmes da relação que o ex-marido desenvolveu com Lady Gaga durante as gravações de “Assim Nasce Uma Estrela”.

Mas, ouvidos pela imprensa cor de rosa americana, os amigos do casal garantem que não são os ciúmes os culpados pelo fim do relacionados. A Cosmopolitan afirma que os dois “eram mais parceiros” do que um casal e que a chama esmoreceu com o tempo, o que levou ao término do casamento.

Não queremos ser todos iguais, pois não?

Maio de 2014, nasceu o Observador. Junho de 2019, nasceu a Rádio Observador.

Há cinco anos poucos acreditavam que era possível criar um novo jornal de qualidade em Portugal, ainda por cima só online. Foi possível. Agora chegou a vez da rádio, de novo construída em moldes que rompem com as rotinas e os hábitos estabelecidos.

Nestes anos o caminho do Observador foi feito sem compromissos. Nunca sacrificámos a procura do máximo rigor no nosso jornalismo, tal como nunca abdicámos de uma feroz independência, sem concessões. Ao mesmo tempo não fomos na onda – o Observador quis ser diferente dos outros de órgãos de informação, porque não queremos ser todos iguais, nem pensar todos da mesma maneira, pois não?

Fizemos este caminho passo a passo, contando com os nossos leitores, que todos os meses são mais. E, desde há pouco mais de um ano, com os leitores que são também nossos assinantes. Cada novo passo que damos depende deles, pelo que não temos outra forma de o dizer – se é leitor do Observador, se gosta do Observador, se sente falta do Observador, se acha que o Observador é necessário para que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia, então dê o pequeno passo de fazer uma assinatura.

Não custa nada – ou custa muito pouco. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)