O líder da Media Capital Rádios, Luís Cabral,foi o escolhido pela Prisa para suceder Rosa Cullell na presidência do grupo Media Capital. Informação começou por ser avançada pelo jornal Eco, e foi esta tarde comunicada à CMVM, tornando-se oficial. Também o “chairman”, Miguel Pais do Amaral, e António Pires de Lima renunciaram aos cargos no conselho de administração.

Luís Cabral é há uma década presidente executivo da Media Capital Rádios, em que se insere a Rádio Comercial. Em causa está uma mudança na estratégia na Media Capital, de acordo com a Bloomberg. A agência de notícias avançou no início deste mês que essa alteração poderia implicar a substituição de Rosa Cullell no grupo que detém a TVI.

As alterações na composição dos órgãos sociais do grupo Media Capital foram comunicadas à CMVM ao final da tarde desta sexta-feira. “O Conselho de Administração designou, na presente data, por cooptação nos termos do disposto no artigo 393.º n.º 3 b) do Código das Sociedades Comerciais, os Senhores Dr. Pedro García Guillén, Dr. Luís Filipe Cabral de Mascarenhas e Meneses Garcia e Dr. Xavier Pujol Tobeña para desempenhar funções no Conselho de Administração da Sociedade para o mandato em curso de 2016/2019”, acrescenta-se no comunicado .