O Governo foi alertado para um possível bloqueio na ponte 25 de abril a 12 de agosto pelo Movimento Coletes Amarelos Portugal que, em conjunto com os motoristas de matérias perigosas, pretende realizar marchas lentas nas autoestradas 1 e 2, noticia o ECO.

Já durante esta quinta-feira, em declarações à Rádio Observador, Bruno Branco, porta-voz do Movimento Coletes Amarelos Portugal, garantiu que o bloqueio não está previsto: “Não prevemos um bloqueio, até porque é ilegal. Prevê-se sim um protesto em marcha lenta e, ao chegar à Assembleia, um ‘buzinão’ “.

O movimento já apelou à população, através de publicações na sua página no Facebook, para aderir ao protesto. “Não admitimos mais aumentos no preço dos combustíveis, exigimos melhores condições de trabalho para os nossos bombeiros, vamos reforçar a greve dos Camionistas!”, pode ler-se num texto publicado na manhã desta quinta-feira.

Segunda-feira Portugal vai acordar com barulho nosso! Venham todos,vistam o colete e convidem amigos,vamosmostrar ao…

Posted by Movimento Coletes Amarelos Portugal on Thursday, August 8, 2019

Foi ainda criado um grupo de WhatsApp onde as pessoas podem confirmar a sua presença. Bruno Branco declarou que era impossível realizar previsões, mas que a marcha irá decorrer independentemente do número de pessoas envolvidas: “Podem ser 100, podem ser 200 ou podem ser só 20. Os que vierem serão bem-vindos”, garantiu o porta-voz do movimento.

https://www.facebook.com/watch/?v=471272237026188

O movimento pretende reunir os manifestantes no McDonald’s de Corroios e no Parque Intermodal Malveira, às 8h, para a partir daí iniciarem a marcha lenta até às 9h30 e chegarem à Assembleia da República às 11h.

(Artigo atualizado às 14h20 com as declarações de Bruno Branco)