A variante híbrida plug-in (PHEV) do Volvo XC40 já se encontra em Portugal, sendo proposta com quatro níveis de equipamento e preços de venda ao público entre os 46.516€ do XC40 Plug-in Hybrid Inscription Expression e os 51.684€ da versão de topo R-Design.

À semelhança daquilo que ocorre também noutros fabricantes, o construtor sueco tem um “preço especial para empresas”, que arranca nos 35.000€ a que há que somar o IVA, mas este é dedutível a 100%, estendendo-se os benefícios fiscais ao pagamento de apenas 10% de tributação autónoma e 25% do valor do ISV.

Os particulares não são contemplados com esses estímulos à aquisição mas, em contrapartida, quem formalizar a compra até 30 de Junho próximo recebe a oferta de um ano de electricidade gratuita, num reembolso calculado através da aplicação Volvo on Call. Esta “borla” é válida não só para o XC40 Plug in Hybrid, como para os restantes elementos da família PHEV da Volvo.

As versões intermédias do mais pequeno SUV da Volvo orçam em 47.254€, no caso da linha R-Design Expression, ou em 50.946€ se a escolha recair na Inscription.

Classe 1 nas portagens nacionais, o XC40 Plug in Hybrid combina um o compacto motor com três cilindros e 1,5 litros a gasolina, a debitar 180 cv/265 Nm, com um motor eléctrico de 82 cv/160 Nm, alimentado por uma bateria de iões de lítio com 10,7 kWh de capacidade, que se encontra disposta ao centro, para uma distribuição do peso mais equilibrada. Os dois motores estão conectados ao eixo da frente através de uma caixa de dupla embraiagem com sete velocidades, não existindo com este conjunto motopropulsor a opção de ter tracção integral.

Este PHEV pode percorrer até 50 km em modo zero emissões, com a carga completa do acumulador, operação que tarda entre 3 ou 9 horas, consoante se faça numa tomada a 3,7 kW (16 A) ou de 1,4 kW (6 A).

Os 0 a 100 km/h cumprem-se em 7,3 segundos, estando a velocidade máxima limitada a 205 km/h. Quanto a consumos, o XC40 Plug in Hybrid anuncia 2 l/100 km em WLTP, a que correspondem 46 g/km de emissões de CO2.