566kWh poupados com a
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

Atividades e comida sem sair de casa? É possível

Este artigo tem mais de 2 anos

Quem tem filhos sabe o quanto pode ser difícil encontrar o equilíbrio entre o teletrabalho e ser pai em full-time durante a quarentena. Planear a sua semana pode ser a solução.

i

Ilustração: Teresa Dias Costa

Ilustração: Teresa Dias Costa

É altura de ficar em casa. As recomendações da Direção-Geral da Saúde não deixam margens para dúvidas e o melhor que pode fazer é tirar o máximo proveito desta situação. Aproveite para fazer as coisas para as quais normalmente não tem tanta disponibilidade, como desfrutar (ainda mais) de bons momentos em família. Contudo, sabemos o quão difícil pode ser encontrar o equilíbrio perfeito entre o teletrabalho, cuidar da casa e tratar dos filhos. Neste campo, toda a ajuda é bem-vinda, certo? Aproveitar o fim de semana para planear a semana que aí vem pode ser uma boa estratégia. Nós ajudamos e damos-lhe o exemplo de como pode ser a rotina de uma família de quatro pessoas – os pais, um filho e uma filha – de segunda a sexta-feira. Tome nota.

Para começar bem a semana

É segunda-feira, a cabeça está fresca e começa mais uma semana de (tele)trabalho. Se normalmente este dia é visto como a ovelha negra da semana, agora que está por casa pode aproveitar para acabar com esta má fama. Como? Com um arranque de semana relaxante. Prepare um pequeno-almoço em família – porque não panquecas? – para que todos desfrutem de bons momentos antes de “mergulharem” nas suas tarefas do dia. Assim, a próxima missão é manter as crianças ocupadas enquanto os pais trabalham. Faça desta segunda-feira o Dia do Artista aí por casa. Aceda ao espaço “Diversão em casa. Gosto Tanto.” da McDonald’s faça o download de alguns desenhos para colorir, imprima e entregue-os aos seus filhos. Dica extra: de manhã, proponha-lhes pintar com lápis de cera e depois de almoço com aguarelas.

Ilustração: Teresa Dias Costa

À terça é dia de dar uns toques na bola

Ficar em casa não é (nem pode ser) sinónimo de passar o dia todo no sofá. E isto aplica-se tanto a miúdos como a graúdos. O sedentarismo é inimigo de uma saúde de ferro e o exercício físico é importante em qualquer idade. A pensar em atividades para toda a família, a McDonald’s disponibiliza na sua plataforma os vídeo-treinos “A Escolinha do Figo”, que são concebidos pelo futebolista Luís Figo e pela sua equipa técnica para os pais e filhos. E para ajudar os mais pequenos a melhorar as suas fintas, passes, remates e afins, os pais podem filmar o treino através da app Dream Football para que os treinadores avaliem as suas competências.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O meio da semana pede movie night

Chegámos a quarta-feira, o meio de uma semana de trabalho e de malabarismo para os pais. Depois de passarem o dia entretidos com palavras-cruzadas e labirintos que os pais descarregaram da plataforma “Diversão em casa. Gosto Tanto.” e de terem deixado os pais concentrarem-se nos seus afazeres, é finalmente altura de usufruir de algum tempo em família. Todos sentados no sofá, de manta ao colo, é altura de embarcar numa das aventuras dos super-heróis Nutri Ventures.

À quinta-feira todos mostram os seus passos de dança

Desta vez, para distrair os miúdos, o plano é fazer download da Happy Meal App, onde o que não faltam são atividades que exploram a criatividade e imaginação dos mais pequenos. Vai ser um dia de diversão e aprendizagem que tanto pode incluir pintar um quadro, compor uma canção ou construir uma máquina voadora! Chegando ao final da tarde, é novamente dia de fazer exercício físico, mas, desta vez, ao ritmo da dança. Com as vídeo-bailarinas, em cada episódio é lançada uma nova coreografia na plataforma Toca a Mexer em Família. Os vídeos terminam sempre com uma dança divertida no TikTok, onde são aplicados os moves aprendidos na aula. E os pequenos que fiquem atentos: de vez em quando, são lançados desafios de dança que a família pode fazer, postando depois os seus vídeos no TikTok e enviando-os para a conta @asvideobailarinas. Depois de repostas as energias com o jantar, é hora de ir para a cama. E hora de dormir é sinónimo de história. Em “Diversão em casa. Gosto Tanto.” , vai encontrar 16 e-books – que falam desde dinossauros a animais em vias de extinção – da escritora britânica Cressida Cowell, autora do bestseller “Como Treinares o Teu Dragão”.

Ilustração: Teresa Dias Costa

Chegou o final da semana

É sexta-feira e chegando ao último dia de trabalho, o que menos apetece é ter de ir para a cozinha preparar o jantar. A solução é simples: encomendar menus para toda a gente através do McDelivery. Para os pais, dois menus com tudo a que têm direito; para os miúdos, como não poderia deixar de ser, dois Happy Meal Hamburguer Natura  e abacaxi para a sobremesa. É só ir buscar à porta e sentar à mesa. Um jantar com sabor a fim de semana.

A qualidade é (mesmo) importante para a McDonald’s

Do transporte à confeção e sobretudo na higiene, na McDonald’s, a preocupação em oferecer um produto de qualidade está em tudo o que é feito diariamente. Além disso, a McDonald’s tem apostado em parceiros e produtores portugueses, contando com mais de 30 fornecedores nacionais, o correspondente a 40% do valor total das compras em Portugal. Isto significa, por exemplo, que a maçã chega de Alcobaça e as mini cenouras de Odemira.

Em tempos de COVID-19

Desde 19 de março que os restaurantes da McDonald’s funcionam focados nos serviços McDrive e McDelivery, de forma a acautelar a segurança e proteção dos seus clientes e colaboradores. Além disso, as equipas estão mais reduzidas e todos os colaboradores que entram em contacto com os clientes utilizam equipamento de proteção, como máscaras. A McDonald’s reforçou ainda os procedimentos de higiene preexistentes, tanto a nível da lavagem das mãos, como a disponibilização de gel higienizante.

Este é um conteúdo Observamos em casa.

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.

Atenção

Este artigo só pode ser lido por um utilizador registado com o mesmo endereço de email que recebeu esta oferta.
Para conseguir ler o artigo inicie sessão com o endereço de email correto.