O número de óbitos no surto de SARS-CoV-2 no Lar Nossa Senhora da Saúde da Casa do Povo de Vendas Novas, no distrito de Évora, subiu para sete, anunciou o município.

Numa nota informativa publicada na página do município na rede social Facebook é indicado que estão ainda infetados 16 utentes, quatro estão internados no hospital de Évora e um no hospital de Setúbal.

O surto no Lar Nossa Senhora da Saúde, que conta com 53 residentes, foi detetado no dia 14 de dezembro, depois de um funcionário fazer um teste com resultado positivo, por ter sintomas da doença.

O município explica que estão no terreno “cerca de 18 pessoas” contratadas para garantir os cuidados aos idosos, entre elementos especializados conseguidos no distrito, outros através de uma empresa de recrutamento e ainda elementos de uma brigada da Cruz Vermelha acionada pela Segurança Social.

“Temos, no entanto, apelado ao voluntariado para pequenas ajudas dentro e fora do lar, tal como é preconizado pela plataforma Portugal COmVIDas, no entanto, ao contrário de outros locais do país em que há adesão, aqui não temos tido sucesso”, lê-se na nota.

“Até ao momento, e apesar de a direção da casa do povo tentar contratar mais recursos humanos, até com hipótese de ficar na instituição, não há interesse por parte da população vendasnovense que se encontra em situação de desemprego”, acrescenta.

Portugal contabiliza pelo menos 7.118 mortos associados à covid-19 em 427.254 casos confirmados de infeção, segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS). O estado de emergência decretado em 09 de novembro para combater a pandemia foi renovado até 07 de janeiro, com recolher obrigatório nos concelhos de risco de contágio mais elevado.