A Nissan lançou uma nova versão do Juke que exibe elementos diferenciadores, face às restantes, mas o que distingue verdadeiramente esta edição do crossover nipónico é o facto de estrear, na Europa, a compatibilidade com a Amazon Alexa, o que melhora a qualidade do infoentretenimento e facilita a vida do condutor.

Significa isto que os proprietários do Juke passam a poder controlar remotamente, através da Nissan Skill e por comandos de voz, algumas das funções do veículo a partir do smartphone, bastando para tal perguntar à Alexa, que não deixará por esclarecer se as portas do carro estão trancadas ou destrancadas, e quanto combustível há no depósito. Mas a Alexa também pode fazer outras “gentilezas”, como acender os faróis e enviar a localização solicitada para o sistema de navegação de bordo, mesmo que tal lhe esteja a ser pedido enquanto o condutor está confortavelmente instalado no sofá. De recordar que este sistema da Amazon está disponível na Seat desde 2017.

CEO do Ano anuncia cinco novidades da Seat

“Assim que a Nissan Skill estiver activa na aplicação Alexa e ligada à conta dos serviços NissanConnect do proprietário, os clientes poderão ligar o Juke ao seu dispositivo Alexa em casa, para assim monitorizar o seu crossover e controlar uma selecção de funções do veículo através de um conjunto de 13 expressões personalizadas”, explica a Nissan.

Esteticamente, o Juke Enigma cultiva uma aparência mais desportiva, fruto do recurso a jantes pretas em liga leve de 19 polegadas, bem como a um grafismo específico na linha do tejadilho e nos espelhos retrovisores nas portas. No pilar C surge a inscrição que identifica a versão.