376kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica. Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Poupe na sua eletricidade com o MEO Energia. Simule aqui.

Jovem de 18 anos encontrado morto em casa na Guarda

O jovem era natural de Faro, onde jogou no Sporting Clube Farense, mas vivia na Guarda. Frequentava o politécnico daquela cidade. Associação académica decretou três dias de luto.

Desconhecem-se para já as causas da morte
i

Desconhecem-se para já as causas da morte

ANDRÉ DIAS NOBRE / OBSERVADOR

Desconhecem-se para já as causas da morte

ANDRÉ DIAS NOBRE / OBSERVADOR

Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Um jovem de 18 anos foi encontrado morto em casa, no sábado, na Guarda. Segundo o Sul Informação, o jovem era natural de Faro, mas vivia atualmente nessa cidade da Beira Alta, onde frequentava o politécnico. Desconhecem-se para já as causas da morte.

A Associação Académica da Guarda decretou três dias de luto, entre este domingo e terça-feira, comunicando no Facebook que “nestas datas ficam suspensas todas as atividades académicas” e prestando “as mais profundas condolências” à família. O Sporting Clube Farense, onde o jovem jogou dos seis aos 18 anos, também reagiu à morte, deixando os “sentimentos de conforto” aos familiares.

O município de Faro publicou igualmente uma nota de pesar nas redes sociais, gesto em que foi acompanhado pela ACRAL – Associação do Comércio e Serviços da Região do Algarve.

De acordo com o Sul Informação, o jovem era filho do ex-presidente da ACRAL e atual chefe de gabinete do presidente da autarquia e da coordenadora dos serviços da Associação dos Industriais Hoteleiros e Similares do Algarve.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

A página está a demorar muito tempo.