802kWh poupados com a
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

Grão-duque do Luxemburgo já tem em mente uma data para a sua abdicação

O Grão-duque Henri do Luxemburgo disse em entrevista que já pensou numa data para abdicar, uma tradição no seu país. Esta terça-feira o soberano faz 69 anos e começa uma visita de estado à Bélgica.

6 fotos

Henri do Luxemburgo disse que já tem em mente uma data para a sua abdicação, escreve a revista Point de Vue. “Há planos. Chegará um dia em que terá de ser feito e, a dada altura, tenciono reformar-me. Isso é óbvio”, cita a revista, a partir de uma entrevista ao programa Place Royale, no canal belga RTL, na companhia da grã-duquesa Maria Teresa e no Castelo de Colmar-Berg, emitida no passado sábado.

No domingo foi a vez do jornal belga La Libre publicar também uma conversa com o chefe da casa de Nassau. “Tudo isto é planeado em consulta familiar. Penso que é muito importante dar uma perspetiva aos jovens. A transmissão e a confiança são os dois elementos essenciais da minha relação com o meu filho Guillaume”, disse o Grão-duque ao jornal, explicando que não está a pensar sozinho neste processo de transição. Na linha de sucessão está o mais velho dos cinco filhos dos grão-duques, o príncipe Guillaume.

“A monarquia proporciona estabilidade, o que beneficia a democracia. A população sente que há continuidade. Sublinho sempre o aspeto familiar: há o Grão-Duque, a Grã-Duquesa e os filhos, que assumem responsabilidades de vez em quando. Estou convencido de que existe uma grande confiança entre o povo e a nossa família”, disse ainda Henri ao jornal belga, citado pela revista Point de Vue.

O Grão-duque deu as duas entrevistas nos últimos dias, em antecipação à visita de estado de três dias que o casal soberano do Luxemburgo começa esta terça-feira à Bélgica, onde foram recebidos pelos reis Philippe e Mathilde, como se pode ver nas imagens no topo deste artigo.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O Rei dos belgas fez 64 anos esta segunda-feira e o Grão-duque do Luxemburgo completa 69 esta terça-feira. Para celebrarem, divulgaram nas redes sociais imagens onde os podemos ver a partilhar um bolo com duas velas.

Henri tornou-se Grão-duque a 7 de outubro de 2000. Sucedeu ao pai, o Grão-Duque Jean, quando este abdicou ao fim de 45 anos no trono. No Luxemburgo abdicar é uma tradição na família real, que terá sido começada pela avó de Henri, a Grã-duquesa Charlotte, que abdicou em novembro de 1964, volvidos outros tantos 45 anos como soberana.

Depois da sua irmã Marie-Adélaide, que foi obrigada a renunciar em 1918, foi a Grã-Duquesa Charlotte que iniciou a tradição da renúncia voluntária, passando o testemunho ao seu filho Grão-Duque Jean, após 45 anos no trono. Henri do Luxemburgo assumiu o cargo em 2000, depois de o seu pai ter decidido entregar-lhe as rédeas do país.

 
Assine o Observador a partir de 0,18€/ dia

Não é só para chegar ao fim deste artigo:

  • Leitura sem limites, em qualquer dispositivo
  • Menos publicidade
  • Desconto na Academia Observador
  • Desconto na revista best-of
  • Newsletter exclusiva
  • Conversas com jornalistas exclusivas
  • Oferta de artigos
  • Participação nos comentários

Apoie agora o jornalismo independente

Ver planos

Oferta limitada

Apoio ao cliente | Já é assinante? Faça logout e inicie sessão na conta com a qual tem uma assinatura

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.

Atenção

Para ler este artigo grátis, registe-se gratuitamente no Observador com o mesmo email com o qual recebeu esta oferta.

Caso já tenha uma conta, faça login aqui.

Há 4 anos recusámos 90.568€ em apoio do Estado.
Em 2024, ano em que celebramos 10 anos de Observador, continuamos a preferir o seu apoio.
Em novas assinaturas e donativos desde 16 de maio
Apoiar
Junte-se ao Presidente da República e às personalidades do Clube dos 52 para uma celebração do 10º aniversário do Observador.
Receba um convite para este evento exclusivo, ao assinar um ano por 99€.
Limitado aos primeiros 100 lugares
Assinar agora Ver programa