No passado dia 2 de setembro surgiu uma publicação no Facebook com uma imagem de um crocodilo bebé a ser retirado da água. Vinha acompanhada com a seguinte legenda: “Segurança privada encontra crocodilo bebé junto ao paredão da barragem do Alqueva”. Obteve 59,2 mil visualizações e 789 partilhas. Além da publicação não conter fonte, nem data e de ter sido escrita com erros de português, é também falsa.

Houve utilizadores que, pela camisola da polícia, rapidamente se aperceberam que a fotografia fora tirada na Suíça. Mas centenas partilharam a imagem como se fosse verdadeira

O crocodilo na imagem não podia ter sido encontrado na barragem do Alqueva por diferentes razões. A primeira é porque os seguranças que vemos na imagem são de Genebra, na Suíça, como indicado na parte detrás das suas camisolas. Depois, o crocodilo não é verdadeiro, mas sim de plástico, como confirmado pela imprensa suíça no passado dia 25 de agosto. Segundo o jornal Tribune de Genève (TdG), os três membros visíveis na imagem, que pertencem ao Serviço de Resgate e Incêndio (SRI, uma corporação de bombeiros), confirmaram que se tratava de um “crocodilo de três metros de plástico”, que estava próximo da praia de Reposoir. “Foi falso alarme, os nossos colegas tiraram-no da água para evitar que poluísse o rio e para que os nadadores não se preocupassem. O crocodilo acabou no lixo”,  disse Nicolat Millot, porta-voz do SRI, ao TdG.

Apesar da imagem se ter tornado viral nas redes sociais, facilmente se percebia que não se tratava de um crocodilo verdadeiro. “Rapidamente se vê que é falso. A água cai da cauda, que está estática. Ficámos todos a rir”, afirmou Lydia Lucchetta, presidente da associação de pescadores do lago onde foi encontrado o brinquedo, ao GHI, jornal de Genebra.

De resto, não há qualquer registo público de que as autoridades tenham recentemente encontrado qualquer animal semelhante, sequer, a um crocodilo bebé na barragem do Alqueva.

Conclusão

Não é verdade que tenha sido encontrado um crocodilo bebé na barragem do Alqueva. A fotografia viral foi tirada em Genebra, na Suíça, como indica a camisola dos guardas que vemos na imagem, que são, na verdade, bombeiros. O crocodilo encontrado é um brinquedo de plástico, como confirmado pela imprensa suíça.

Assim, de acordo com o sistema de classificação do Observador, este conteúdo é:

ERRADO

De acordo com o sistema de classificação do Facebook, este conteúdo é:

FALSO: as principais alegações do conteúdo são factualmente imprecisas. Geralmente, esta opção corresponde às classificações “falso” ou “maioritariamente falso” nos sites de verificadores de factos.

Nota: este conteúdo foi selecionado pelo Observador no âmbito de uma parceria de fact-checking com o Facebook.

IFCN Badge