Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Além da esperada retórica do regresso da América simpática (agora redimida e livre de Donald Trump), a viagem de Joe Biden à Europa fez-se acompanhar de referências históricas a outros encontros simbólicos, como a viagem de F.D. Roosevelt ao encontro de Churchill, em 14 de Agosto de 1941, na Terra Nova, para redigir a Carta do Atlântico, ou o discurso de Truman de 12 de Março de 1947, em Washington, para obter apoio do Congresso na ajuda à Grécia e à Turquia, ameaçadas pela URSS.

A Nova Carta Atlântica

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.