Estados Unidos da América

EUA acusam Síria de guardar armas químicas

O secretário de Defesa norte-americano, James Mattis, disse esta sexta-feira em Israel que o regime de Damasco "guardou" armas químicas e recomendou à Síria para não voltar utilizar o armamento.

Esta semana um oficial de alta patente do Exército de Israel afirmou que o regime sírio ainda guarda "toneladas" de armas químicas.

MAYSUN/EPA

O secretário de Defesa norte-americano, James Mattis, disse esta sexta-feira em Israel que o regime de Damasco “guardou” armas químicas e recomendou à Síria para não voltar utilizar o armamento. “Posso afirmar com autoridade que [Bashar al] Assad ainda tem armas químicas. Não é recomendável que as volte a utilizar”, disse James Mattis após um encontro com o ministro da Defesa israelita, Avigdor Liberman.

Esta semana um oficial de alta patente do Exército de Israel afirmou que o regime sírio ainda guarda “toneladas” de armas químicas. Mattis enfatizou também o reforço das relações entre os Estados Unidos e Israel.

Trata-se da primeira visita de um membro da nova administração norte-americana a visitar Israel.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site