Fogo de Pedrógão Grande

Marcelo. “Em ditadura, nunca ninguém percebia bem os contornos das tragédias”

2.275

O Presidente da República respeita a autonomia do Ministério Público e evitou comentar a decisão da PGR de divulgar a lista de mortos nos incêndios de Pedrógão Grande.

Marcelo recorda como eram as tragédias em ditadura

ANTÓNIO COTRIM/LUSA

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, evitou esta terça-feira comentar a divulgação, pela Procuradoria-Geral da Republica (PGR), da lista de mortos nos incêndios de Pedrógão Grande, por uma questão de respeito pela autonomia da Ministério Público (MP). Mas fez questão de recordar como as tragédias eram tratadas nos tempos da Ditadura do Estado Novo.

Em ditadura, lembro-me há 50 anos, era possível haver tragédias e nunca ninguém percebia bem qual eram os contornos das tragédias porque não havia um Ministério Público autónomo, juízes independentes e comunicação social livre. Em democracia há tudo isto“, lembrou o Presidente da República.

“Eu respeito a autonomia do Ministério Público”, afirmou Marcelo Rebelo de Sousa aos jornalistas, em direto para as televisões, durante uma visita ao posto de comando da proteção civil em Mação, onde o Presidente chegou cerca das 21h30. Marcelo respeita a decisão do MP “conduzir os seus inquéritos de foram autónoma”. “O Presidente da República a única coisa que pode fazer é não imiscuir-se no trabalho dos magistrados”, disse o Chefe de Estado.

A PGR confirmou esta terça-feira, em comunicado, que se registaram “até ao momento” 64 vítimas mortais nos incêndios de Pedrógão Grande, tendo divulgado a respetiva lista.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site