Emigrantes

“Marcha antirracista” juntou cinco mil pessoas em Berlim

115

Manifestantes uniram-se contra o endurecimento da lei do asilo e a favor do direito de todos os emigrantes permanecerem no país.

Organizadores têm números diferentes e garantem que foram 7.500 os participantes na manifestação

CLEMENS BILAN/EPA

Autor
  • Agência Lusa

Milhares de pessoas participaram este sábado, em Berlim, na chamada “marcha antirracista”, convocada contra o endurecimento da lei do asilo e a favor do direito de todos os emigrantes permanecerem na Alemanha.

Segundo fontes da polícia da capital alemã, a marcha contou com mais de cinco mil pessoas. Pelo seu lado, os organizadores garantem que os manifestantes eram mais de 7.500, reunindo emigrantes, refugiados e ativistas de esquerda provenientes de toda a Alemanha.

“Trinta autocarros com refugiados de todo o país vieram à manifestação. Contámos com milhares de participantes”, avançou um porta-voz da organização ainda antes do arranque da marcha.

A intenção da marcha foi a de dar voz “a quem não é habitualmente escutado”, uma semana antes das eleições gerais na Alemanha.

Os manifestantes percorreram o bairro onde fica situada a sede do Governo, no centro da cidade, exibindo cartazes com frases como “Emigrantes bem-vindos”, “Basta de guerra aos emigrantes” e “O asilo não é negociável”.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site