A economia portuguesa contraiu 0,7% no primeiro trimestre deste ano, depois de três trimestres a crescer, devido a uma redução das exportações de bens e serviços na parte inicial do ano, anunciou hoje o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Na primeira estimativa para a evolução do Produto Interno Bruto (PIB) no primeiro trimestre do ano, o INE dá conta que face ao trimestre anterior (o último de 2013) a economia voltou a cair, quando no último trimestre do ano passado registou um crescimento de 0,5%.

O INE explica que houve a procura externa líquida dirigida à economia portuguesa teve um efeito significativo na queda do PIB.

Por outro lado, as importações de bens e serviços estão a acelerar, o que prejudica o equilíbrio alcançado na balança comercial.

Em comparação com o mesmo trimestre de 2013, o PIB terá crescido 1,2%, comparando com uma queda de 4% registada no primeiro trimestre de 2013. Para 2014, o Governo prevê que o crescimento da economia se fixe em 1,2%.