Os líderes europeus deverão “proceder rapidamente à verificação sistemática e coordenada” de postos de controlo antiterrorista, refere o rascunho das conclusões preparadas para a reunião de quinta-feira do Conselho Europeu, em Bruxelas.

O documento, a que a Bloomberg News teve acesso, refere que será acordado “proceder rapidamente à verificação sistemática e coordenada de indivíduos que gozem do direito de livre circulação usando bases de dados relevantes para lutar contra o terrorismo baseadas em indicadores de riscos comuns”.

De acordo com o mesmo rascunho, a Comissão Europeia “deverá publicar rapidamente orientações operacionais para isto”. Também esta quarta-feira, o Parlamento Europeu debateu o Registo Nacional de Passageiros, tendo aprovado uma resolução com medidas de combate ao terrorismo que defende que as negociações sobre a criação de um registo de identificação dos passageiros aéreos a nível europeu e sobre o novo pacote legislativo sobre a proteção de dados devem ter lugar em paralelo para melhor salvaguardar os direitos fundamentais dos cidadãos no âmbito da luta antiterrorista.

A reunião do Conselho Europeu informal terá lugar às 13h45 desta quinta-feira.