Dois mil e quinhentos alunos portugueses dos cursos de economia, gestão e tecnologia responderam à pergunta: quais são as empresas ideais para trabalharem? O top cinco já está escolhido – Google, Sonae, Deloitte, PricewaterhouseCoopers (PwC) e EDP. Foram cinco meses de inquérito a jovens de várias universidades do país.

O estudo foi realizado pela Spark Agency em colaboração com a Escola de Economia e Gestão da Universidade do Minho e envolveu 2.494 alunos dos primeiros, segundos e terceiros anos dos cursos de Economia, Gestão e Engenharias, de 15 universidades portuguesas.

Durante o inquérito, os jovens tiveram de enumerar, no máximo, cinco empresas em que considerassem que fosse ideal trabalharem. Paralelamente, de uma lista de 243 organizações, os inquiridos tiveram de escolher aquelas em que gostariam de trabalhar.

As 20 empresas mais atrativas para os jovens portugueses:

  1. Google
  2. Sonae
  3. Deloitte
  4. PwC
  5. EDP
  6. Nestlé
  7. L’Oreal
  8. Apple
  9. Jerónimo Martins
  10. McKinsey & Company
  11. Bosch
  12. Galp
  13. EY (Ernst & Young)
  14. KPMG
  15. Unilever
  16. TAP
  17. Siemens
  18. BMW
  19. Banco de Portugal
  20. Caixa Geral de Depósitos