A Autoridade da Concorrência aprovou a entrada de Isabel dos Santos no capital da Efacec Power Solutions, uma sociedade gestora de participações sociais que exerce atividade no setor da energia.

Num comunicado divulgado esta segunda-feira, a Autoridade da Concorrência refere ter tomado “uma decisão de não oposição” à aquisição de controlo conjunto da Efacec por considerar que “a mesma não é suscetível de criar entraves significativos à concorrência efetiva nos mercados analisados”.

Com este negócio, Isabel dos Santos passará a deter 65% da empresa. Os antigos donos, o Grupo José de Mello e o Grupo Têxtil Manuel Gonçalves, ficarão com uma participação de 35%, dividida em partes iguais.

O negócio, de 200 milhões de euros, foi feito através da holding Winterfell, criada para o efeito. A sociedade tem como acionista minoritário a Empresa Nacional de Distribuição de Eletricidade (ENDE), que tem a seu cargo a distribuição de energia em Angola.