315kWh poupados com o
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica. Saiba mais

Logótipo MEO

Veja as melhores ofertas de telecomunicações aqui.

Sondagens do dia: PS a descer, Bloco a subir

Este artigo tem mais de 5 anos

CDU e Bloco continuam a crescer nas intenções de voto dos portugueses, de acordo com as sondagens do dia. PS também desce nos dois estudos.

i

Reinaldo Rodrigues / Global Imagens

Reinaldo Rodrigues / Global Imagens

As duas sondagens do dia coincidem em dois pontos: o Partido Socialista continua a descer nas intenções de voto e o Bloco de Catarina Martins está a percorrer o sentido inverso. Quanto à coligação, numa das sondagens desce 1 ponto percentual (Católica), na outra (Intercampus) sobe 0,9 pontos percentuais e chega aos 38,8%, o maior valor desde quarta-feira, dia 23 de setembro.

O que diz a sondagem da RTP?

Começando por partes. O estudo da Universidade Católica traz boas notícias para os partidos à esquerda do PS. Nesta sondagem, CDU e Bloco crescem 1 ponto percentual em relação ao dia anterior, chegando agora aos 11 e 8%, respetivamente.

A coligação Portugal à Frente, por sua vez, continua a descer desde domingo e chega agora aos 39%, menos 1 ponto percentual em relação a segunda-feira. As notícias só não são piores para Passos e Portas porque os socialistas (33%) também perdem 1 ponto nas intenções de voto dos inquiridos pela Católica – a diferença mantém-se, por isso, nos 6%.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

A maior subida foi, no entanto, do número de indecisos – são agora 27% os entrevistados que ainda não decidiram em quem votar, mais 2 pontos do que o dia anterior. O número de pessoas que diz que vai votar noutros partidos manteve-se nos 5%, uma linha constante desde sábado, 26 de setembro.

E o que diz a sondagem da TVI?

A tracking poll da Intercampus para a TVI/TSF e Público traz um cenário diferente. A coligação liderada por Pedro Passos Coelho cresce 0,9% e atinge os 38,8% nas intenções de voto – o maior valor registado desde quarta-feira e também a maior diferença para os socialistas, está agora nos 7,2 pontos percentuais.

Isto porque o PS continua a descer. Na segunda-feira, os socialistas descerem 9 décimas e hoje 5, chegando agora aos 31,6%, o valor mais baixo desde que as sondagens da Intercampus começaram.

Destaque também para o crescimento do Bloco: neste momento, de acordo com o estudo da Intercampus, bloquistas (7,9%) e comunistas (8,2%) estão agora tecnicamente empatados.

O número de indecisos manteve-se nos 21,4% e o número de inquiridos que diz vai votar nos outros partidos é de 4% – subiu uma décima, em relação a segunda-feira.

A sondagem da Universidade Católica para a RTP foi feita com uma amostra de 1.071 entrevistas, uma taxa de resposta de 58% e uma margem de erro de 3%. O estudo da Intercampus foi feito com uma amostra de 1.008 entrevistas, uma taxa de resposta de 58,4% e uma margem de erro de 3,1%.

A página está a demorar muito tempo.