437kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Adere à Fibra do MEO com a máxima velocidade desde 29.99/mês aqui.

Prémio Nobel da Paz é revelado esta sexta-feira. Quem é que vai ganhar?

Este artigo tem mais de 5 anos

Angela Merkel, o Papa Francisco ou até o jornal russo Novaya Gazeta. Esta sexta-feira, é revelado o vencedor do Prémio Nobel da Paz 2015. Há muitos nomes apontados. Qual é o seu favorito? Vote aqui.

A vencedora de 2014
i

A vencedora de 2014

AFP/Getty Images

A vencedora de 2014

AFP/Getty Images

Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

A chanceler alemã Angela Merkel está a ser apontada como a grande favorita para o anúncio de sexta-feira da Academia das Ciências Sueca. Conta o britânico The Telegrah que a forma como tem lidado com a crise dos refugiados podem levá-la a ser distinguida com o Prémio Nobel da Paz de 2015.

Mas Angela Merkel não é a única na corrida. Para o Telegraph, o Papa Francisco é outro dos candidatos possíveis, pelo trabalho que desenvolveu na mediação da relação entre Cuba e os Estados Unidos da América. Já o jornal russo Novaya Gazeta destaca-se por ser uma das poucas vozes independentes no país liderado por Vladimir Putin.

Uma das entradas mais inesperadas é o sacerdote eritreu Mussie Zerai, pelo trabalho que tem desenvolvido com os refugiados que querem chegar a Itália. Também o ginecologista congolês Denis Mukwege, que trata vítimas de violência sexual, está igualmente entre os apontados ao Prémio Nobel da Paz.

No painel dos possíveis finalistas está também o líder das FARC – Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, Timoleon Jimenez, e o presidente colombiano, Juan Manuel Santos, pelo acordo de paz inovador que assinaram. E também há espaço para Portugal, com alguns meios a apontarem o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), presidido por António Guterres, para o galardão.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Contudo, os sentimentos face à eventualidade de ser um destes candidatos o vencedor é confuso. Se Merkel vencer, existe receio de que a distinção piore a crise de refugiados que a Europa vive – a chanceler admite que a Alemanha possa receber pelo menos 800 mil. Se for o Novaya Gazeta, há medo da reação por parte do Kremlin. Já o Papa Francisco pode enfurecer as pessoas que são contra as políticas de controle de natalidade que defende.

Na sua opinião, qual de todos estes nomes merece receber o Prémio Nobel da Paz? Vote no inquérito abaixo e conheça o ponto de vista dos nossos leitores.

A página está a demorar muito tempo.

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.