O mundo está quase a acabar. Pelo menos para aqueles em que acreditam na teoria de Chris McCann, fundador de uma espécie de explicador bíblico online, eBible Fellowship.

McCann previu o fim do mundo para o dia 7 de outubro de 2015. Esta quarta-feira. E usou como base para esta previsão uma previsão anterior de Harold Camping, um locutor de uma radio cristã da Califórnia. O locutor afirmou, em 2011, que o mundo ia desaparecer no dia 21 de maio desse ano. Parece óbvio que a previsão falhou.

Mas McCann explicou a falha e afirmou que esse dia marcava o início da contagem do Apocalipse. E este vai acontecer através de um grande fogo, isto porque e ao ler a Segunda Carta de Pedro, capítulo 3, no Novo Testamento “Deus destruiu a primeira Terra com água, com uma enchente, nos dias de Noé.” Mas, e segundo conta o próprio ao Telegraph, Deus também diz “que não o vai fazer de novo, não pela água. Ele diz em Pedro 2º, capítulo 3, que vai destruir a Terra através do fogo.” 

Ou seja, McCann diz que o mundo vai ser mergulhado num gigantesco fogo. Mas porquê o dia 07 de outubro de 2015? Porque segundo o mesmo, Deus precisou de 1600 dias (pouco mais de quatro anos) para decidir quem se salvaria ou não. E a contar a partir do dia 21 de maio de 2011. O tempo termina esta quarta-feira à meia-noite.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Se quer conhecer os relatos de todo o mundo sobre como está a ser passado o dia do juízo final, vá a este liveblog do Telegraph. Aí também há uma contagem decrescente para o desaparecimento do nosso planeta.

Se quer sugestões para o que fazer nestas últimas horas de vida também se pode dirigir ao liveblog. Mas deixamos já algumas pistas do que por lá encontrará: ver Netflix e relaxar; embebedar-se; ir trabalhar ou gastar todas as suas poupanças. É só escolher.

Há, no entanto, relatos de chuva em Londres. E em Lisboa até faz um pouco de frio. Condições pouco favoráveis ao deflagrar de um grande fogo. Ainda há esperança…