Chocolate

Como o corpo reage ao chocolate

1.960

Que as pessoas gostam de chocolate não há dúvidas. Mas como se isso não fosse desculpa suficiente para comê-lo, o organismo também agradece.

Getty Images

Há quem goste de chocolate preto, branco ou de leite. Há quem o coma ocasionalmente e há os grandes apreciadores. Uns preferem saboreá-lo quadradinho a quadradinho, outros comê-lo como se de uma sandes se tratasse. Independentemente dos gostos, todos têm uma coisa em comum: sabem que uma pequena mordidela num chocolate desperta todo um mundo de sensações. 

Mas para além de ser um prazer comer chocolate, a saúde também agradece. O chocolate preto faz bem ao coração, ajuda a baixar o colesterol mau e ainda funciona como um antioxidante. Mais importante que tudo: faz as pessoas felizes. A Bustle juntou quatro reações do organismo quando é brindado nem que seja com uma raspa de chocolate.

1. Reduz o stress

O chocolate que tenha acima de 70 por cento de cacau contém ácido valérico, que pode agir como um tranquilizante. Assim sendo, em pequenas doses o chocolate pode ter um efeito calmante nas pessoas — já se comer muito, o excesso de açúcar pode ter o efeito contrário. 

2. Melhora o humor

A sensação de calor, contentamento, preenchimento e paz que um pedaço de chocolate proporciona às pessoas deve-se às hormonas do cérebro que o chocolate despoleta. Sim, o chocolate liberta as famosas endorfinas, as hormonas da felicidade. Não é em vão, portanto, que num estudo feito em 2014 se tenha chegado à conclusão de que as mulheres preferem chocolate a sexo.

3. Diminui os níveis do colesterol mau

Vários estudos têm mostrado que o consumo de chocolate puro pode baixar a lipoproteína de baixa densidade, também conhecida por “colesterol mau”, e aumentar a lipoproteína de alta densidade, ou seja, o “colesterol bom”.

4. Torna as pessoas mais alerta

O aumento do fluxo sanguíneo para o cérebro faz com que as pessoas se sintam mais alerta, o que, por sua vez, pode melhorar a performance e a funcionalidade do cérebro. Se calhar devia apostar na iguaria quando estiver a estudar ou tiver um trabalho importante para fazer.

Antes de se agarrar a uma tablete, não é demais recordar: como tudo na vida, o chocolate deve ser ingerido moderadamente e deve ter em mente que quanto maior o teor e mais puro o cacau, mais propriedades benéficas terá. 

Todos queremos saber mais. E escolher bem.

A vida é feita de escolhas. E as escolhas devem ser informadas.

Há uns meses o Observador fez uma escolha: uma parte dos artigos que publicamos deixariam de ser de acesso totalmente livre. Esses artigos Premium, por regra aqueles onde fazemos um maior investimento editorial e que mais diferenciam o nosso projecto, constituem a base do nosso programa de assinaturas.

Este programa Premium não tolheu o nosso crescimento – arrancámos mesmo 2019 com os melhores resultados de sempre.

Este programa tornou-nos mesmo mais exigentes com o jornalismo que fazemos – um jornalismo que informa e explica, um jornalismo que investiga e incomoda, um jornalismo independente e sem medo. E diferente.

Este programa está a permitir que tenhamos uma nova fonte de receitas e não dependamos apenas da publicidade – porque não há futuro para a imprensa livre se isso não acontecer.

O Observador existe para servir os seus leitores e permitir que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia. Por isso o Observador também é dos seus leitores e necessita deles, tem de contar com eles. Como subscritores do programa de assinaturas Observador Premium.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)