Já se sabia que a atriz mexicana Kate del Castillo e o maior narcotraficante (em fuga muito tempo) El Chapo Guzmán tinham uma relação próxima. Foi ela inclusivamente que proporcionou o encontro com o ator Sean Penn para uma entrevista à Rolling Stone. E terá sido ela que estendeu, involuntariamente, a passadeira às autoridades até ao líder do cartel de Sinaloa que levou à sua detenção.

Sabe-se também que uma das maiores fraquezas de El Chapo eram mesmo as mulheres. Por elas terá sido detido duas vezes, incluindo esta última – por causa de Kate del Castillo. As autoridades seguiram todas as pisadas da atriz e gravaram até as suas conversas com o narcotraficante (cuja extradição para os EUA, diz um responsável da Procuradoria Geral mexicana, demorará no mínimo um ano — ele que já fugiu duas vezes de prisões de alta segurança mexicanas).

Agora, o diário mexicano Milenio publicou, na íntegra, as mensagens trocadas entre o advogado do barão da droga (Andrés Granados Flores), o próprio El Chapo e a Kate del Castillo. Aí fica evidenciado o fascínio de El Chapo com a atriz e as recorrentes tentativas de levar a sua relação a um outro patamar. Sob nomes de código como “Papá” (El Chapo”), “Olvidado” (intermediário), “Guapa” e “Ermoza” (Kate) ou Licenciado Óscar (intermediário), as conversas começam alegadamente pelo advogado de Guzmán, que num primeiro momento serve de ligação entre “El Chapo” e a atriz. Depois de ter sido oferecido um telemóvel a Kate del Castillo, os dois falam de forma direta: para combinarem a entrevista e para falarem de forma íntima.

Dia 25 de setembro. Primeira conversa entre El Chapo e Kate

Esta primeira conversa é feita através do telefone do alegado advogado de “El Chapo”

Olvidado (advogado): Já está comigo, senhor.

Papá (El Chapo): Olá amiga. Que gosto tenho em saudar-te, ainda que seja desta forma. Como tens estado?

Papá – Olvidado (El Chapo): Amiga. Então se tu trazes o vinho, eu também bebo do teu, já que eu gosto de tequila! A Bucana [marca da tequila]. Mas beberei da tequila que trouxeres e do champanhe [que trouxeres]. Digo-te que não costumo beber, mas com a tua presença vai ser algo maravilhoso. Até porque tenho muita vontade de te conhecer e espero que nos tornemos grandes amigos. És o melhor que existe neste mundo. Seremos grandes amigos. Vê quando podes regressar. Oxalá seja breve, vale mais esperarmos que tudo se prepare numa semana. Terei tudo preparado para que não falhe nenhum detalhe, que me faria sentir mal. Tem fé, que vai tudo estar como gostas. Cuidarei mais de ti do que dos meus próprios olhos.

Olvidado(Kate): Emociona-me muito que digas que cuidas de mim. Nunca ninguém cuidou de mim. Obrigado! Tenho o próximo fim de semana livre!

Nesta altura, como diz o El Pais, Kate diz que tem de ir para uma reunião mas insiste que no fim de semana seguinte podem conhecer-se. El Chapo continua a falar com o seu intermediário (o seu advogado) sobre quem vai com ela ao encontro. Mencionam entre eles o nome de Sean Penn como possibilidade.

Olvidado (advogado): Parece que o ator Sean Penn tem um recado muito relevante para lhe dar e quer dá-lo pessoalmente. Há um dado curioso: este ator é o mais reconhecido nos Estados Unidos.

Papá – Olvidado (El Chapo): Que traga o ator e, se achar que precisa de trazer mais pessoas, que as traga, como preferir.

O El País diz que há um outro advogado que dá a El Chapo mais detalhes sobre quem é Sean Penn.

Olvidado (advogado): Sim, estive com ela perto de hora e meia a conversar, com ela a dizer-me que tem projetos muito bons com os seus amigos e a que um deles ficaria embevecido por poder conversar com o G (El Chapo) e que além disso têm outras coisas super boas.

Papá – Olvidado (El Chapo): Como se chama esse ator?

Olvidado (advogado): Sean Penn

Olvidado (advogado): O que fez o filme 21 Gramas [filme do realizador mexicano Alejandro González Iñárritu]

PapáOlvidado (El Chapo): 21 Gramas, em que ano terá sido o filme?

Depois de um conversa sobre o telefone “mais bonito” que quer comprar a Kate para poderem falar, continuam a falar de Penn dia 26 de setembro.

PapáLic. Óscar (El Chapo) – Estou aqui na Internet a ver o Sean Penn…

Lic. Óscar: Sim creio que antigamente esse senhor era ator, agora é escritor [argumentista] e produtor. Diz a senhora [Kate] que é melhor do que o que fez “O Padrinho”.

Papá: Lic. Óscar (Chapo) – Está bem.

Dia 26 de setembro. Segunda conversa com Kate

Papá (El Chapo): Olá amiga, como estás? Que gosto tenho em saudar-te, ainda que seja desta forma.

Guapa (Kate): Finalmente. Não conseguia estar contactável. Obrigado por me enviar este aparelho tão moderno! Como estás?

Guapa (Kate): Vou conhecer-te e nem sabes a emoção que sinto. Obrigado pela tua confiança. Tenho estado a montar uma equipa importante, com gente real, respeitada em Hollywood. Quero que os oiças… Mas independentemente do nosso projeto, fico com muita esperança em ver-te olhos nos olhos, em pessoa. OBRIGADO. Para mim o mais importante é que te sintas cómodo, sem nenhum compromisso de espécie alguma, e que me digas o que pensas depois da nossa reunião. Suponho que receberei instruções para saber onde viajar e [para conhecer] todos os detalhes.

Papá (El Chapo): Amiga, irás a Sinaloa. Tem confiança que está tudo bem, senão não te convidava. Eu cuidarei de ti, vais ver quando chegares, tocar-me-á beber a tua tequilha contigo. Como te disse, eu não costumo beber, mas contigo beberei pelo prazer de estar a conviver contigo. Muito obrigado por seres uma pessoa tão fina. Que linda és amiga, em todos os aspetos.

Guapa (Kate): Confesso-te que me sinto protegida pela primeira vez. Vais conhecer a minha história quando tivermos tempo para conversar, mas por alguma razão sinto-me segura e sei que sabes quem eu sou, não como atriz ou figura pública, mas como mulher, como pessoa. Levarei a minha tequila para a partilhar contigo, porque é um sonho que me faltava cumprir. E [vou cumpri-lo] graças a ti. Ver-nos-emos em breve, amigo. Abençoado sejas.

Dia 10 de outubro, “El Chapo” declara-se

(El Chapo): Bom dia amiga, desculpa, estava a dormir. Boa viagem, quero-te com todo o meu coração. Estamos em contacto. Quero-te.

Ermoza (Kate): Não durmo muito desde que te vi. Estou emocionada com a nossa história… É verdade. Só consigo pensar nisso.

(El Chapo): Conto-te que estou mais emocionado contigo do que com a história, amiga.

No dia 23 de outubro El Chapo lembra-se do aniversário da atriz e deseja-lhe os parabéns. Depois, continuam as conversas para acertar o encontro. Ela explica-lhe que tem de responder a um questionário enviado por Sean Penn e gravar as respostas por vídeo. Mas Kate fala sozinha. No dia 9 de novembro é a última vez que falarão.

Dia 9 de novembro. A última troca de mensagens

Ermoza (Kate): O meu acompanhante disse-me que me têm bem vigiada e esperam [os polícias] que os leve até ti. Não te posso pôr em risco agora, é demasiado perigoso, por mais que os dois queiramos ver-te e cumprir com a missão de que me encarregaste.

A polícia seguiria mesmo Kate. E El Chapo era detido pelas forças especiais mexicanas.