Dois casais de idosos ficaram desalojados, temporariamente, na sequência de um incêndio numa habitação, num prédio de três andares, na cidade de Estremoz, no distrito de Évora, disse à agência Lusa fonte dos bombeiros.

A fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Évora indicou que o fogo destruiu três compartimentos de uma habitação, situada no Rossio Marquês de Pombal, junto à Câmara Municipal, no centro da cidade, onde reside um dos casais, tendo o fumo afetado também uma habitação no andar superior, na qual vive o outro casal.

Segundo a mesma fonte, um casal fica alojado provisoriamente em casa de familiares e o outro fica em alojamento da responsabilidade do Serviço Municipal de Proteção Civil.

O 2.º comandante dos Bombeiros Voluntários de Estremoz, Januário Coradinho, disse à Lusa que o incêndio, cujas causas são ainda desconhecidas, ocorreu no segundo andar do prédio e que “os prejuízos serão elevados”.

O alerta para o incêndio foi dado às 14:48, tendo o trabalho dos bombeiros se prolongado até cerca das 17:45.

As operações de socorro mobilizaram 13 operacionais e cinco viaturas dos Bombeiros Voluntários de Estremoz, e elementos da EDP e da PSP.