O conceito de “geração” de consolas de videojogos, referente aos modelos que substituem edições anteriores com características mais avançadas, está a chegar ao fim. Nos últimos dias, a Sony e a Microsoft anunciaram o lançamento das suas novas apostas para o mercado dos videojogos: PlayStation 4 Neo e Project Scorpio. Em comum, o fato de complementar – e não substituir – a PlayStation 4 e a Xbox One, respetivamente.

No caso da PlayStation 4 Neo, a Sony prometeu uma versão “high-end” da Playstation 4 voltada para jogadores mais experimentados. Em entrevista ao jornal The Financial Times, o presidente e chefe global da Sony Interactive Entertainment, Andrew House, disse que a nova consola vai ter uma resolução 4K, com gráficos mais detalhados, mais estabilidade, definição e compatibilidade com as últimas tecnologias na área da televisão.

Uma das principais características da nova consola é o fato de que não vai contar com jogos exclusivos. Todos os jogos da PS4 vão funcionar na PS4 Neo e espera-se que “todos ou uma grande maioria” de títulos da PS4 Neo funcionem no modelo atual. “[A PlayStation 4 Neo] destina-se a sentar-se ao lado e complementar a PS4 padrão. Vamos vender as duas versões neste ciclo de vida”, explicou. House avançou que a nova consola vai dar suporte a jogos em realidade virtual, a partir do Playstation VR, dispositivo ocular de realidade virtual da Sony que vai ser lançado a 13 de outubro.

O executivo relatou ainda que a PlayStation 4 Neo vai custar mais do que a PS4, mas não revelou uma data de lançamento ou imagens prévias da consola. “Queremos garantir que temos um conjunto completo de experiências no novo sistema, que possamos mostrar na totalidade”, assegurou.

Shawn Layden, chairman of Sony Interactive Entertainment (SIE) Worldwide Studios, announces that Sonys PlayStation VR headset will be for sale on October 13, 2016 for USD $399, at the Sony PlayStation E3 press conference is underway at the Shrine Auditorium in Los Angeles, California, June 13, 2016. / AFP / ROBYN BECK (Photo credit should read ROBYN BECK/AFP/Getty Images)

O Playstation VR vai ser lançado a 13 de outubro e vai ser suportado pelo Playstation 4 Neo

Já o Project Scorpio será uma versão mais “potente” da Xbox One, com uma unidade de processamento gráfico capaz de suportar uma resolução 4K e outras “experiências premium” de realidade virtual, garantiu Phil Spencer, chefe da Xbox, esta segunda-feira, durante a apresentação da Microsoft na E3, em Los Angeles. “O próximo passo para os jogadores e programadores serão os jogos em 4K e realidade virtual de alta definição, e estou realmente entusiasmado em partilhar o que estivemos a desenvolver”, afirmou.

Spencer explicou que todos os jogos e acessórios da Xbox One serão compatíveis com a Scorpio “para que ninguém fique para trás.”

“Project Scorpio será a próxima adição à família Xbox One e é o próximo passo para dar-vos a nossa visão de jogar videojogos durante várias gerações. Quando for lançada no próximo ano, acreditamos que seja a consola mais poderosa alguma vez construída”, garantiu.

A data de lançamento prevista é no final de 2017.

Xbox One S, uma consola mais compacta

Além do anúncio do Project Scorpio, Spencer mostrou na E3 as imagens da Xbox One S, uma versão 40% mais pequena que a consola atual da Microsoft. A Xbox One S permite a reprodução de vídeos em 4K e promete melhores efeitos de luz e contraste de cores.

O novo modelo não terá entrada para Kinect (vai precisar de um adaptador vendido separadamente), vai estar disponível em branco e contará com um joystick com pequenas alterações, como ligação via bluetooth (para conexão com dispositivos equipados com o sistema operativo Windows 10) e uma textura mais ergonómica na parte de trás.

A Xbox One S vai chegar ao mercado a partir do início de agosto, com versões em 500GB, 1TB e 2TB de memória de armazenamento.

Em entrevista ao canal “Larry Hryb, Xbox Live’s Major Nelson” no YouTube, Spencer comentou como os lançamentos do Project Scorpio e da Xbox S mudam o paradigma de “geração” de consolas para uma “família” de consolas:

A escolha que uma pessoa tinha de fazer no passado entre gerações de consolas era ‘deixo tudo para trás e sigo adiante?’. O que nós queremos com o trabalho que estivemos a fazer nos últimos anos é ‘se você tem uma Xbox One hoje, vamos continuar a dar suporte e todos os jogos que estamos a desenvolver também vão ser lançados para a sua consola’. Quando – e se – fizer a decisão de fazer o upgrade para o Project Scorpio, todos os investimentos em jogos, acessórios, amigos, conquistas e tudo o que tem, estará disponível numa experiência com resolução 4k com o Project Scorpio. É uma família de consolas com todas as experiências a mover-se livremente entre elas”.