Tem Windows 10? Então, marque na agenda: 2 de agosto, o dia em que a Microsoft lançará a edição de aniversário do sistema operativo. Será a primeira grande atualização ao Windows 10, que incluirá novas funcionalidades tanto para os utilizadores como para as empresas. A data é oficial.

Para os consumidores, entre as novas funcionalidades estarão melhorias à assistente pessoal Cortana e ao sistema de autenticação Windows Hello, bem como novas coisas que se poderão fazer com as canetas digitais e uma série de novidades para os fãs de videojogos. Do lado das empresas, esperam-se melhorias ao nível da segurança — e já aqui falámos de uma.

Uma funcionalidade bastante aguardada em Portugal é o suporte da língua portuguesa para a assistente pessoal Cortana. Porém, fonte da empresa confirmou ao Observador que esta atualização ainda não incluirá a Cortana em português. A assistente permite, entre outras coisas, fazer pesquisas ou executar tarefas nos computadores e dispositivos móveis através de comandos de voz.

O Windows 10 foi lançado a 29 de julho de 2015 e, na altura, foi apresentado como o último sistema operativo da Microsoft. Isso significa que a empresa não deverá lançar novos Windows como costumava fazer, optando antes por ir laçando novas atualizações ao atual sistema. A atualização de aniversário é um exemplo disso.

Há uma explicação para o facto de a empresa escolher 2 de agosto (e não 29 de julho) como data de lançamento desta atualização. Uma porta-voz da empresa explicou ao site Tech Crunch que a Microsoft não quer lançar uma grande atualização a uma sexta-feira. Além disso, a equipa responsável precisa de algum tempo extra para finalizar o produto, tendo optado antes por terça-feira, 2 de agosto, como a data oficial de lançamento.

Recorde-se que a atualização para o Windows 10 é gratuita para detentores de versões genuínas e não empresariais do Windows 7, 8 e 8.1, mas só até 29 de julho deste ano. Se preenche estes requisitos e ainda não atualizou o seu computador para a última versão, terá de o fazer antes dessa data, caso queira receber gratuitamente a edição de aniversário.

A empresa anunciou também que existem já 350 milhões de dispositivos com o Windows 10 — e um total de 135 mil milhões de horas de utilização, segundo o Tech Crunch. O número é muito superior aos 300 milhões de dispositivos com Windows 10 que a Microsoft avançou em maio.