OnStar Go. Eis o nome escolhido para identificar a primeira plataforma de mobilidade cognitiva destinada à indústria automóvel. Estará disponível já no início de 2017, e foi criada em conjunto pela General Motors (GM) e pela IBM.

Neste projecto, as duas multinacionais norte-americanas uniram esforços e combinaram as potencialidades dos seus sistemas OnStar e IBM Watson. O resultado permitirá a milhões de condutores de modelos das várias marcas do construtor de Detroit ligarem-se e interagir com as suas marcas favoritas. Isto porque a plataforma terá a capacidade de disponibilizar conteúdos personalizados à medida de cada utilizador, através do painel de bordo dos automóveis, e de outros canais suportados pelo sistema OnStar. Tudo com o objectivo de lhes permitir aproveitar ao máximo o tempo despendido a bordo da viatura.

Segundo o anunciado pelas duas empresas, a combinação entre a conectividade a bordo do veículo, garantida pelo OnStar, e a capacidade de processamento de dados das API da IBM Watson, garante a criação de experiências que permitirão ao condutor e passageiros alcançarem níveis mais elevados de eficácia e segurança.

Tais experiências poderão incluir, por exemplo, o evitar de congestionamentos de tráfego quando a quantidade de combustível existente no depósito for reduzida, sendo, depois, possível reabastecer e pagar o reabastecimento a partir do sistema de bordo; encomendar um café quando em viagem, a recolher num determinado ponto do percurso; ou aceder às notícias actualizadas, ou a formas de entretenimento a bordo, em tempo real, de acordo com a personalidade do utilizador e o local onde este se encontre.

Aqui ficam alguns vídeos elucidativos das potencialidades da OnStar Go:

[jwplatform 9dbGoyh8]

[jwplatform Wjv7yGHK]

[jwplatform DaVSJDmd]