A tenista checa Petra Kvitova foi ferida esta terça-feira num assalto à sua casa, em Prostejov, na República Checa. A campeã do torneio Wimbledon (em 2011 e 2014) terá sido ferida com uma faca, de acordo com a BBC. No mesmo dia, horas antes, tinha sido anunciado a tenista ficaria fora da Taça Hopman devido a uma lesão no pé.

Petra já escreveu no Twitter sobre o assalto, explicando que “foi atacada por um indivíduo com uma faca”, no seu apartamento, e que ficou ferida na mão esquerda na tentativa de se defender do assaltante.

O porta-voz da tenista, Karel Tejkal, já tinha explicado à comunicação social que o assalto ocorreu na manhã desta terça-feira e que foi “um assalto como tantos outros, ninguém a atacou ou roubou por ser a Petra Knitova”.

Foi um dia de azar para a tenista, que é 11ª no ranking mundial, já que horas antes do assalto tinha ficado a saber que não poderá participar na Taça Hopman — um torneio internacional de ténis que se realiza na Austrália — devido a uma lesão no pé. Petra tinha escrito sobre isto mesmo na sua conta de Twitter, ainda antes do assalto, mostrando-se “desapontada por não poder participar” na Hopman Coup. “Os resultados do RX mostraram que o meu pé está a melhorar, mas não tão rapidamente como eu gostaria. A Taça da Hopman é um evento fantástico e peço desculpas por não poder ir representar o meu país”: