A fim de ajudar os jovens portugueses a desenvolverem as suas competências digitais, a Google lançou, em dezembro de 2016, o Atelier Digital – formação dada através de cursos online e com sessões presenciais para pessoas com ou sem grau académico, empregados e desempregados. Até ao momento, mais de 19.500 portugueses foram formados neste modelo.

Foi durante a sessão de abertura da formação presencial do Atelier Digital, na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (FCSH-UNL), que chegou esta semana a Lisboa depois das várias edições que já decorreram em Setúbal, Leiria e Aveiro.

Marcel Leonardi, responsável de políticas públicas da Google Portugal, esteve presente na sessão de abertura na FCSH e explicou que estão “muito satisfeitos e, ao mesmo tempo, entusiasmados com a adesão que os portugueses estão a manifestar. Os resultados já ultrapassaram as nossas melhores expectativas.”

João Vasconcelos, Secretário de Estado da Indústria, esteve também na sessão, assume que “as competências digitais são uma chave fundamental no currículo profissional e, por isso, assumimo-nos como parceiros da Google neste projeto.”

Segundo dados da Comissão Europeia, vão surgir mais de 820 mil vagas em competências digitais, sendo que cerca de 15 mil serão em Portugal. Os mesmos estudos, divulgados em comunicado, revelam ainda que 90% das empresas europeias não possuem competências digitais apesar de as considerarem como um fator de vantagem competitiva.

A formação online gratuita do Atelier Digital está disponível desde Dezembro na plataforma oficial do projeto e a formação presencial, com a duração de três dias e semelhante à que teve início esta quarta-feira na FCSH, já contou desde Março, com várias edições nas cidades de Setúbal, Leiria e Aveiro.

Através da plataforma qualquer utilizador que esteja interessado pode registar-se e fazer a formação online consoante a sua disponibilidade ou inscrever-se na formação presencial em várias cidades – ambas as opções são gratuitas.

Na formação online estão disponíveis 23 módulos, que são compilados em três dias na formação presencial, que cobrem diferentes áreas do marketing digital, como por exemplo, pesquisa, e-mail, redes sociais, redes display, vídeo, e-commerce e web analytics. A formação é baseada em tutoriais em vídeo seguidos de atividades. No final, os formandos terão um teste que lhes permitirá obter uma certificação reconhecida pela IAB Europe.

O Atelier Digital conta com o apoio da SIC Esperança, do Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos, da Universidade Nova de Lisboa, Universidade do Porto e da Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.