Rádio Observador

Google

Atelier Digital da Google já formou mais de 19.500 portugueses

109

O Atelier digital da Google já formou, desde dezembro de 2016, mais de 19.500 portugueses. A Universidade Nova de Lisboa e a Universidade do Porto juntaram-se recentemente ao projeto.

A fim de ajudar os jovens portugueses a desenvolverem as suas competências digitais, a Google lançou, em dezembro de 2016, o Atelier Digital – formação dada através de cursos online e com sessões presenciais para pessoas com ou sem grau académico, empregados e desempregados. Até ao momento, mais de 19.500 portugueses foram formados neste modelo.

Foi durante a sessão de abertura da formação presencial do Atelier Digital, na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (FCSH-UNL), que chegou esta semana a Lisboa depois das várias edições que já decorreram em Setúbal, Leiria e Aveiro.

Marcel Leonardi, responsável de políticas públicas da Google Portugal, esteve presente na sessão de abertura na FCSH e explicou que estão “muito satisfeitos e, ao mesmo tempo, entusiasmados com a adesão que os portugueses estão a manifestar. Os resultados já ultrapassaram as nossas melhores expectativas.”

João Vasconcelos, Secretário de Estado da Indústria, esteve também na sessão, assume que “as competências digitais são uma chave fundamental no currículo profissional e, por isso, assumimo-nos como parceiros da Google neste projeto.”

Segundo dados da Comissão Europeia, vão surgir mais de 820 mil vagas em competências digitais, sendo que cerca de 15 mil serão em Portugal. Os mesmos estudos, divulgados em comunicado, revelam ainda que 90% das empresas europeias não possuem competências digitais apesar de as considerarem como um fator de vantagem competitiva.

A formação online gratuita do Atelier Digital está disponível desde Dezembro na plataforma oficial do projeto e a formação presencial, com a duração de três dias e semelhante à que teve início esta quarta-feira na FCSH, já contou desde Março, com várias edições nas cidades de Setúbal, Leiria e Aveiro.

Através da plataforma qualquer utilizador que esteja interessado pode registar-se e fazer a formação online consoante a sua disponibilidade ou inscrever-se na formação presencial em várias cidades – ambas as opções são gratuitas.

Na formação online estão disponíveis 23 módulos, que são compilados em três dias na formação presencial, que cobrem diferentes áreas do marketing digital, como por exemplo, pesquisa, e-mail, redes sociais, redes display, vídeo, e-commerce e web analytics. A formação é baseada em tutoriais em vídeo seguidos de atividades. No final, os formandos terão um teste que lhes permitirá obter uma certificação reconhecida pela IAB Europe.

O Atelier Digital conta com o apoio da SIC Esperança, do Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos, da Universidade Nova de Lisboa, Universidade do Porto e da Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.

Não queremos ser todos iguais, pois não?

Maio de 2014, nasceu o Observador. Junho de 2019, nasceu a Rádio Observador.

Há cinco anos poucos acreditavam que era possível criar um novo jornal de qualidade em Portugal, ainda por cima só online. Foi possível. Agora chegou a vez da rádio, de novo construída em moldes que rompem com as rotinas e os hábitos estabelecidos.

Nestes anos o caminho do Observador foi feito sem compromissos. Nunca sacrificámos a procura do máximo rigor no nosso jornalismo, tal como nunca abdicámos de uma feroz independência, sem concessões. Ao mesmo tempo não fomos na onda – o Observador quis ser diferente dos outros órgãos de informação, porque não queremos ser todos iguais, nem pensar todos da mesma maneira, pois não?

Fizemos este caminho passo a passo, contando com os nossos leitores, que todos os meses são mais. E, desde há pouco mais de um ano, com os leitores que são também nossos assinantes. Cada novo passo que damos depende deles, pelo que não temos outra forma de o dizer – se é leitor do Observador, se gosta do Observador, se sente falta do Observador, se acha que o Observador é necessário para que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia, então dê o pequeno passo de fazer uma assinatura.

Não custa nada – ou custa muito pouco. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)