Os líderes do bloco de economias emergentes BRICS, que se encontram reunidos em Xiamen, leste da China, emitiram esta segunda-feira uma condenação conjunta ao teste nuclear realizado no domingo pela Coreia do Norte.

Expressamos profunda preocupação com a atual tensão e prolongado conflito nuclear na península da Coreia“, lê-se na declaração conjunta dos líderes do Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul (cujas iniciais formam o acrónimo BRICS). A questão nuclear da Coreia do Norte “deve ser resolvida unicamente mediante meios pacíficos e diálogo direto entre todas as partes implicadas”, acrescenta.

O sexto teste atómico realizado por Pyongyang foi também abordado no domingo, durante uma reunião entre os Presidentes da China e Rússia, Xi Jinping e Vladimir Putin, respetivamente.