No ano passado, Gisela João despiu-se de preconceitos e editou Nua. Considerado pela crítica como um dos álbuns do ano em Portugal, foi igualmente bem recebido pelo público, como demos conta neste artigo.

Nua foi um disco difícil, em parte porque sucedeu ao estrondo que foi o disco de estreia (Gisela João, 2013). O clique deu-se quando a fadista percebeu que não tinha que se “deixar levar pelo medo“. E não tinha mesmo. A canção e o vídeo que que aqui apresentamos são outra boa prova disso: esta história é uma vitória.

A escolha recaiu em “Sr. Extraterreste”, um original de Amália Rodrigues, com letra de Carlos Paião. Um fado muito pouco tradicional e criticado na altura em que foi gravado por Amália.

O vídeo foi gravado nos estúdios da Valentim de Carvalho e foi animado e realizado por Jorge Ribeiro.